Se já tem vontade de experimentar comida vegan, mas usa como desculpa o “não sei cozinhar esse tipo de comida”, saiba que não é assim tão diferente do que faz na cozinha mais tradicional

As receitas vegan inspiradas em pratos típicos portugueses fogem ligeiramente às originais, mas tentam manter aquele sabor que lembra a comida das avós ou dos pais. Pode precisar de comprar alguns ingredientes para fazer estas receitas, mas há outros que deixam de entrar na lista de compras do supermercado: é o caso dos ovos, do leite, do queijo, das natas e, claro, carne ou peixe.

Se para si a comida vegan já não é segredo, fica aqui com ideias para novos jantares, com a certeza de que há sempre um substituto nutritivo da carne, do peixe, ou dos enchidos. Vamos começar precisamente pelo inicio da refeição: a entrada.

1. Cogumelos à bulhão pato

Cogumelos à bulhão pato

Oksana/Dicas da Oksi

Ingredientes: 

300gr de cogumelos paris pequenos, cortados em quartos
3 dentes de alho, picados grosseiramente
Mão cheia de coentros frescos, picados grosseiramente
Sumo de 1 limão pequeno (ou 100ml de vinho branco)
3 colheres de sopa azeite
1 colheres de chá de mostarda
Sal grosso q.b.

Preparação: 

Numa frigideira ou wok, começar por aquecer o azeite em lume médio. Adicionar os dentes de alho e cozinhar durante breves segundos, até libertarem o aroma.
Adicionar os cogumelos, temperando com sal e sumo de limão/vinho branco. Deixar cozinhar em lume baixo, durante cerca de 2 minutos ou até libertarem os sucos.
Por fim, adicionar os coentros e mostarda e cozinhar durante mais um minuto.
Servir imediatamente, com pão torrado.

Esta receita é do blogue “Dicas da Oksi“, de Oksana.

2. Seitanas à portuguesa

Seitanas à portuguesa

Ana Isabel Monteiro/Laranja-lima

Ingredientes (duas pessoas):

½ cebola branca
250g de seitan (usei este, à venda no Jumbo e Continente)
1 chávena de polpa de tomate
100mL de cerveja
2 colheres de chá de molho de soja
2 colheres de chá de azeite
1 folha de louro
Sal, pimenta-preta e pimentão-doce a gosto

Preparação:

Pique finamente a cebola e refogue, em lume brando, com o azeite. Quando estiver translúcida, junte a polpa de tomate, o louro, os temperos e deixe apurar (convém que perca a acidez).
Adicione então o molho de soja e a cerveja e deixe cozinhar para que perca o álcool.
Junte um pouco de água e, depois de ferver, mergulhe o seitan cortado em fatias finas.
Tape o tacho e deixe cozinhar até o seitan ganhar sabor e amolecer ligeiramente.
Retifique os temperos e sirva no pão ou com arroz branco.

Esta receita é do blogue “Laranja-Lima“, de Ana Isabel Monteiro.

3. Pataniscas de alho-francês e alface do mar

Pataniscas de alho-francês e alface do mar

Luísa Ferreira/Sardinha fora da lata

Ingredientes:

150g de farinha de trigo
100g de amido de milho
250g de água
110g de alho francês
5g de alface-do-mar (alga)
20g de salsa fresca
3g de bicarbonato
Pimenta preta a gosto
Pimenta branca a gosto
Sal a gosto
Óleo para fritar

Preparação:

Corta-se o alho francês a gosto, pica-se a salsa e a alface-do-mar e combina-se com todos os outros ingredientes. Envolve-se bem e frita-se em óleo bem quente até ficarem dourados. Para fritar pode-se usar uma colher de sopa para dosear a massa.
Pode servir com arroz de tomate, tal como é típico na receita original.

Esta receita é do blogue “Sardinha fora da lata“, de Luísa Ferreira.

4. Feijoada de feijão manteiga e cogumelos

Feijoada de feijão manteiga e cogumelos

Márcia Gonçalves/Compassionate Cuisine

Ingredientes (duas pessoas): 

1 colher de sopa de azeite
½ cebola média, picadinha
2 dente de alho
2 tomates médios, maduros (200g)
½ colher de chá de cominhos moídos
1 colher de chá de pimentão doce moído (colorau)
¼ colher de chá de piripiri moído
1 folha de louro
1 colher de chá de tomilho seco
12 cogumelos médios (200g)
2 chávenas (320g) de feijão manteiga cozido
¼ chávena de salsa fresca picada
Uma pitada de sal e pimenta preta

2 batatas-doces pequenas (~120g cada)

Preparação:

Salteie a cebola e o alho picados em azeite. Assim que a cebola ficar macia, junte os tomates maduros pelados e picados. Tape a panela e deixe o tomate ficar reduzido a molho. Adicione os cominhos, colorau, piripiri, louro e tomilho seco. Junte o feijão manteiga cozido, e os cogumelos. Deixe cozer em lume brando durante 5 a 10 minutos, até os cogumelos ficarem cozidos. Por fim, misture a salsa fresca picada e ajuste os temperos a gosto.

Para preparar a batata-doce, comece por lavar e limpar a batata-doce, e pique o exterior da batata com um garfo (3 a 4 vezes). Pode levar as batatas ao forno a 200ºC durante cerca de 45 minutos, até ficaram macias no seu interior, ou, durante cerca de 3 a 5 minutos no microondas. Corte as batatas em metades e tempere com uma pitada de sal e pimenta preta acabada de moer.

Pode servir a feijoada de cogumelos acompanhada da batata-doce assada e couve galega cozida.

Esta receita é do blogue “Compassionate Cuisine“, de Márcia Gonçalves.

We create food. Neste restaurante tem duas opções: ou é vegan ou fã de pizzas

5. Ervilhas sem ovos

Ervilhas sem ovos

Rita Parente e André Nogueira/Cocoon Cooks

Ingredientes:

2 c. chá óleo de côco sem aroma
1 c. chá sementes de coentros
1 cebola grande, finamente picada
2 dentes de alho grandes, sem gérmen central e finamente fatiados
2 folhas de louro
1 chávena | 50 gr. couve kale, picada grosseiramente
1 1/2 chávena | 200 gr. tomates cereja, cortados em quartos
1 c. sopa pasta de tomate orgânica
2 mãos cheias | 300 gr. batatatinha nova, lavadas e fatiadas grosseiramente
4 chávenas | 500 gr. ervilhas congeladas
1 3/4 chávenas | 430 ml. caldo de legumes
1 mão bem cheia de coentros, finamente picados
Sal marinho & pimenta preta a gosto

Preparação:

Aquecer o óleo de côco numa panela sobre lume médio.
Juntar as sementes de coentros e deixar fritar até começarem a estalar.
Adicionar a cebola, o alho e as folhas de louro e cozinhar até a cebola ficar translúcida.
Juntar a couve kale, os tomates cereja e a pasta de tomate e misturar.
Aumentar o lume, juntar as batatas, as ervilhas e o caldo de legumes e misturar novamente.
Assim que o caldo começar a ferver, reduzir para lume brando e tapar parcialmente a panela.
Deixar cozinhar durante 15-20 minutos ou até que as batatas estejam bem cozidas.
Juntar os coentros e temperar com sal marinho e pimenta preta a gosto.
Servir com arroz integral.

Esta receita é do blogue “Cocoon Cooks“, do casal Rita Parente e André Nogueira.

6. Leite Creme

Leite Creme

Vânia Ribeiro/Made by Choices

Ingredientes:

1 litro de leite vegetal podem usar de coco, arroz, aveia, amêndoas..
60 grs de amido de milho biológico
¼ chávena 60ml de geleia de arroz ou xarope de Acer ou agave
1/2 colher de café de curcuma em pó
Metade da casca de um limão
1 pau de canela
½ colher de café de baunilha em pó opcional

Toppings opcionais: Amêndoas laminadas e 1 colher de sopa de xarope de ácer ou outro

Preparação:

Numa tigela juntar o amido de milho com um pouco de leite vegetal. Misturar muito bem até o amido de milho estar todo dissolvido.
Num tacho juntar o restante leite vegetal, o adoçante, a casca de limão, o pau de canela, a baunilha em pó, o amido de milho dissolvido e a curcuma. Aquecer em lume médio.
Mexer a mistura constantemente até o leite ferver e engrossar.
Transferir a mistura para tacinhas e deixar arrefecer antes de levar ao frigorífico.
Numa frigideira aquecer as amêndoas laminadas e quando começarem a dourar juntar o xarope de acer e envolver tudo muito bem. Apagar o lume.
Transferir as amêndoas para um prato e deixar arrefecer completamente. Elas vão ficar caramelizadas à medida que arrefecem.
Guarnecer cada tacinha de leite creme com as amêndoas.

Esta receita é do blogue “Made by Choices“, de Vânia Ribeiro.