Já está em casa a bebé que nasceu com 245 gramas

Ninguém acreditou que Saybie pudesse sobreviver, depois de ter nascido de 23 semanas. Mas cinco meses depois já pesa 2,5kg.

Saybie não estava a crescer dentro do útero e estava em risco a vida da bebé e da mãe / Sharp Mary Birch Hospital

Depois de no Japão ter nascido e sobrevivido aquele que era o bebé mais pequeno do mundo, com apenas 268 gramas, a bebé Saybie veio quebrar recordes, indo contra aquilo em que os médicos acreditavam.

Pesava 245 gramas e nasceu às 23 semanas e 3 dias, sendo que uma gravidez normal tem habitualmente entre as 37 e as 40 semanas. “Foi o dia mais assustador da minha vida. Sentia-me muito desconfortável, mas pensava que podia fazer parte da gravidez. Disseram-me que eu tinha pré-eclâmpsia, que a minha pressão arterial estava muito alta e que tinham que fazer o parto rapidamente. E eu dizia-lhes que ela não ia sobreviver porque só tinha 23 semanas,” explicou a mãe da bebé à “CNN“.

O facto de ter nascido numa fase tão prematura, e de pesar quase metade do que é suposto às 23 semanas, levou os médicos do Hospital Sharp Mary Birch, em San Diego, Califórnia, nos Estados Unidos, a não acreditarem que fosse possível Saybie sobreviver.

“Disseram ao meu marido que ele tinha uma hora para estar com ela e que depois iria morrer. Essa hora tornou-se em duas horas, depois um dia, depois uma semana.”

O baixo peso com que nasceu faz com que Saybie seja agora a bebé mais pequena do mundo a sobreviver. E passados cinco meses, a bebé foi finalmente para casa, a pesar 2,5kg —o peso mínimo com que todos os bebés deveriam nascer.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]