Casamento de Adele chega ao fim, mas a cantora e o ex-marido vão educar o filho juntos

A cantora inglesa já não está com Simon Konecki, com quem mantinha uma relação há nove anos. O ex-casal tem um filho, Angelo, 6 anos.

Os representantes da cantora enviaram um comunicado, apelando ao respeito pela privacidade do ex-casal e do filho de seis anos

Christopher Polk/Getty Images

Adele sempre foi discreta em relação à sua vida pessoal, mas sabemos que foi em 2016, após cinco anos de namoro, que a cantora inglesa casou, numa cerimónia secreta, com Simon Konecki, um empresário americano. A novidade foi tornada pública numa cerimónia dos Grammy’s Awards, em 2017.

Na altura, quando subiu ao palco para receber o prémio de “Álbum do Ano”, a cantora revelou, no final do discurso emocionado: “Grammy’s, eu agradeço-vos. Academia, eu amo-vos. Meu manager, meu marido e meu filho, vocês são a única razão pela qual eu faço isto.”

Mas o casal já tinha história, muito antes disto. Adele e Simon —  fundador da Life Water, uma marca ecológica inglesa de água engarrafada, com fins solidários, cujos fundos revertem para a Drop4Drop (que também administra), que leva água limpa aos países que necessitam. — estavam juntos desde 2011, sendo que foi logo no ano seguinte que tiveram um filho, Angelo, atualmente com 6 anos. Passados nove anos, a relação dos dois chegou ao fim, de acordo com o que foi avançado por Benny Tarantini e Carl Fysh, representantes da cantora.

Segundo a nota enviada à imprensa, a educação do filho será a prioridade do ex-casal, que pretende continuar a criar Angelo em conjunto. “Ambos estão comprometidos em criar o filho juntos e com amor. Como sempre, eles pedem privacidade. Não haverá mais comentários”, diz o comunicado, citado pelo jornal inglês “The Guardian”.

Adele, atualmente com 30 anos, lançou “19”, o primeiro trabalho, em 2008. Foi, no entanto, em 2011, que ganhou fama mundial, com o álbum “21”, que inclui temas como “Someone Like You” ou “Rolling in the Deep”. O último trabalho, “25”, com o single “Hello”, saiu em 2015.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]