Comprei uma estrela para oferecer de presente — e toda a gente pode fazer o mesmo

É um presente eterno, original e com muito significado. Eu já comprei e adorei.

Todos nós podemos dar o nosso nome a uma estrela

Grakozy/Unsplash

Oferecer um presente a alguém que nos é próximo nem sempre é uma tarefa fácil. As ideias esgotam-se e queremos sempre tentar ser o mais original possível, apesar de a maior parte das vezes acabarmos por comprar roupa ou algo que a pessoa em causa necessite mesmo. Ou seja, 99% recorremos a alguma coisa material.

Mas e se eu vos disser que podem oferecer uma estrela? Que podem batizar uma estrela? E não, não é uma estrela do mar. Uma estrela que faz parte do universo e que se pode admirar naquelas noites de céu estrelado. Achei a ideia genial quando comecei a pesquisar mais. Estava exatamente numa daquelas situações em que estava sem ideias sobre o que dar e, após alguma pesquisa, deparei-me com esta opção. Um presente que é eterno, com um significado diferente e que apela à imaginação.

Existem vários sites que disponibilizam este serviço, como o Comprar Uma Estrela (foi através deste que, na altura, comprei), mas a maior parte funciona da mesma maneira. Começa-se por escolher o pack, que, neste caso, vai desde os €59 até aos €199 (mas através de outras empresas pode ser mais em conta).

ComprarUmaEstrela

O mais económico inclui um certificado, um mapa das estrelas, documentação sobre a estrela em causa e uma pasta para o presente. Já o pack com o valor mais elevado envolve, entre outras coisas, uma fotografia a cores da estrela e uma moldura. Tudo depende do gosto de cada um. E depois de escolhido o nome, um sortudo ou uma sortuda irá receber este presente singular.

Seja como um símbolo de amor, como um presente de aniversário, de casamento ou de Natal, adequa-se a qualquer situação. Quem é que não gostaria de saber que, quando olha para o céu, está lá uma estrela que lhe pertence? O melhor é que as estrelas selecionadas (que pertencem sempre a uma constelação) garantidamente se conseguem ver a olho nu, o que significa que não é necessário nenhum telescópio para as avistar.

Além disso, as estrelas batizadas são sempre registadas a nível internacional, o que impede que a estrela pertença a mais do que uma pessoa. Lembrei-me mesmo agora que o Dia da Mãe está a chegar e que pelo menos a minha ia adorar.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]