O nascimento de um bebé é, à partida, um dos momentos de maior felicidade para a família. Durante os meses que antecedem a sua chegada, muitos aproveitam para preparar o quarto, frequentar cursos de preparação ou até devorar vários livros sobre a matéria. No entanto, como qualquer pai ou mãe que tenha já passado por esta experiência sabe, existem sempre algumas situações inesperadas e que deixam a pessoa mais experiente nesta matéria sem saber o que fazer.

O entusiasmo pelo que vem de novo e o medo de saber lidar com o desconhecido confundem-se muitas vezes e, por isso, pedimos à enfermeira Cátia Ferreira da Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa, para desmistificar alguns dos medos mais comuns dos pais e deixar alguns truques e dicas que facilitam a chegada de um bebé à família.

Como se deve cortar as unhas dos bebés?

Na verdade, não se cortam as unhas. Deve-se sim limar-se e por uma razão muito simples: a unha do bebé é quase como uma pele, embora possa arranhar. Por isso, o truque é limar a unha antes do banho, com uma lima de cartão, tal como se fosse a unha de um adulto, até que fique rente e não arranhe. Estas limas podem ser encontradas em qualquer farmácia, loja de bebés ou na maioria de kits para recém-nascidos.

O que se deve fazer quando o bebé tem soluços?

Nada. Os soluços aparecem nos recém-nascidos da mesma maneira que aparecem nos adultos. No entanto, no caso dos recém-nascidos, o melhor será sempre esperar que passe. No entanto, pode ajudar colocá-lo na mama (ou biberon).

As diferentes cores do cocó do seu bebé têm significados próprios. Algumas indiciam problemas de saúde

Que fazer quando aparecem manchas e ou borbulhas vermelhas e pequenas nos primeiros dias de vida do recém-nascido?

Estas manchas e/ ou borbulhas têm nome de eritema tóxico e normalmente aparecem nos primeiros dias de vida da criança, entre as primeiras 24h a 72h de vida. A causa do aparecimento destas manchas no recém-nascido tem a ver com a sua adaptação ao meio ambiente e, tal como aparecem, desaparecem ao fim de uma semana de vida. O eritema tóxico é muitas vezes confundido com uma reação alérgica a algum produto ou picada de inseto, mas não há razão para alarme.

Às vezes aparecem uns cristais na fralda do recém-nascido. O que são?

Quando os recém-nascidos fazem chichi nas primeiras vezes é normal aparecem uns cristais, que têm o nome de cristais de urato que são completamente benignos. Estes cristais aparecem durante as primeiras vezes que os rins funcionam, com uma maior probabilidade de aparecerem se houver muita concentração de urina. Para que os cristais desapareçam mais depressa, deve-se manter o bebé o mais hidratado possível, podendo até insistir um pouco mais com a mama. Os cristais desaparecem naturalmente ao fim de alguns dias de vida.

É verdade que as meninas quando nascem têm um pequeno corrimento vaginal e uma pseudo-menstruação?

Sim. É algo comum acontecer e está relacionado com as hormonas que receberam da mãe durante a gestação. As meninas podem ter um sangramento vaginal, semelhante ao período bem como um corrimento vaginal de cor esbranquiçada. Estas duas situações são totalmente benignas, tanto que acabam por desaparecer ao fim de alguns dias. Embora o corrimento vaginal seja percetível, muitas vezes os pais nem se apercebem destes fenómenos devido aos cocós serem muito escuros.

Os bebés perdem peso após o nascimento?

Sim, é bastante comum os bebés perderem cerca de 10% do seu peso após o nascimento. No entanto, este peso acaba por ser recuperado, em média, ao fim de uma semana de vida.

Os bebés só devem tomar banho duas vezes por semana

Que tipo de apoios existem para os pais e bebés acabados de sair da maternidade?

Existem vários contactos telefónicos que os pais podem usar em caso de dúvidas. Todas as maternidades têm uma linha de apoio 24h a que os pais podem recorrer para esclarecer todas as dúvidas, até o bebé completar um mês de vida. Existe ainda a linha SOS Amamentação para todas as mães que estão a amamentar.

Além disso, é também aconselhável que, caso tenham alguma urgência,  devem evitar deslocarem-se até ao hospital e contactarem a linha saúde 24 onde é feita uma pré-triagem. Outra hipótese é recorrer ao centros de saúde da área de residência.

Há marcas para bebé que são melhores que outras?

Não. Não há nem marcas boas nem marcas más. O que se aconselha é que não se misturem marcas durante o primeiro mês de vida, pois a pele do bebé é bastante sensível a estas mudanças e também para perceber se existem reação a determinada marca.

Que cuidados se devem ter nas primeiras saídas de casa de um recém-nascido?

O bebé pode e deve sair de casa, mesmo logo após a alta, ainda que com algum cuidado. Os pais devem evitar sair de casa no verão durante as  horas de maior calor e no inverno durante as horas mais frias. Os pais devem também também ter em conta a roupa que o bebé leva vestida. O  melhor truque é a criança ter sempre uma peça de roupa vestida a mais que o pai ou a mãe.

Outro aspeto importante é nunca levar os bebés para locais fechados como centros comerciais, pois como têm ainda uma imunidade reduzida, correm um maior risco de ficar doente. Este conselho é também válido para casas de familiares, principalmente se houver naquele agregado familiar crianças pequenas que possam ter estado em contacto com doenças como varicela ou o sarampo pois têm um período de incubação grande e podem ser muito perigosas para os recém-nascidos.

Sabe qual é a melhor forma de carregar um bebé?

Como lidar com os irmãos mais velhos?

Os pais devem incluir os filhos mais nesta nova etapa. Devem também tentar minorar ao máximo o tempo de separação entre a mãe e os filhos mais velhos, para reduzir os níveis de ansiedade da criança. Tal como é importante a criança ver a mãe assim que possível logo após o parto,  é importante encarar o fim da visita com alguma positividade. O objetivo é sempre desassociar esta separação “forçada”  do nascimento do irmão mais novo.

Quando a criança é ainda pequena, pode também ajudar oferecer uma pequena prenda, que nem precisa de ser muito cara, e dizer que foi o irmão que lhe ofereceu. Assim que o novo elemento chegar a casa, o irmão mais velho deve ser incluído nas tarefas que envolvem o cuidado do bebé.

Deve-se ou não cobrir o carrinho ou o ovo do bebé?

Tanto o carrinho como o ovo do bebé podem ser cobertos. No entanto, deve haver o cuidado de deixar uma abertura para que o ar circule e não se crie um ambiente de estufa. Além disso, não se deve tapar totalmente pois as crianças também precisam de ter alguma claridade. No entanto, pode ser benéfico para a criança se o ovo for coberto parcialmente em ambientes fechados e onde possam haver doenças, como um consultório médico pois, desta forma, é possivel criar  uma barreira que previne o contágio.

Há algum cuidado especial a ter com o cordão umbilical?

Antigamente, era aconselhado que o cordão umbilical fosse limpo com álcool etílico a 70º graus. No entanto, e de acordo com as novas recomendações da Organização Mundial de Saúde para Portugal, tal já não é aconselhado, sendo apenas necessário certificar-se que o cordão fica bem seco e limpo, após o banho. Ao colocar a fralda, deve também ser feita uma pequena dobra para que o cordão fique ao ar livre. O cordão umbilical acabará por cair cerca de sete dias após o nascimento da criança.

7 cuidados a ter quando compra uma cadeira de bebé para o carro

Tem algum conselho prático sobre a amamentação?

Primeiro, se for um desejo da mãe amamentar o bebé, é muito fácil que ela idealize este processo como algo muito bonito e fácil. No entanto, não devem ter quaisquer ideias fixas, pois esta experiência é diferente de mulher para mulher e também de filho para filho. Por esta razão, o melhor mesmo é que as mães tenham apenas em conta as opiniões dos profissionais de saúde.

É aconselhável que todas as mulheres levem consigo para a maternidade um creme para o mamilo que seja compatível com a amamentação, como um creme que tenha lanolina na sua composição, embora nem sempre seja necessário. Quando o mamilo já está sensível, pode usar-se esses cremes ou simplesmente arejar o mamilo, o que ajuda a aliviar o desconforto. Há também umas placas de hidrogel que podem ajudar neste processo.

A descida do leite é também um processo que assusta algumas mães, mas não é motivo para alarme. Acontece normalmente entre 48 a 72 horas após o parto e truques como massagens ou aplicação de compressas quentes antes da mamada são algumas podem ajudar ao processo. Em casos mais extremos pode também recorrer-se ao uso de medicação.

Em que condições se deve usar o leite adaptado?

A recomendação deste leite em exclusivo está normalmente associado alguma patologia que a mãe possa ter e que impeça a amamentação. No entanto, há casos em que é a própria mãe que escolhe não amamentar ou chegue ao hospital já com uma prescrição médica nesse sentido. São também várias as razões do foro pediátrico que em que pode ser recomendado a alimentação do bebé com leite materno e leite adaptado.