Juste Bio. Lisboa recebe mais um supermercado de venda a granel

Chama-se Juste Bio e abriu esta semana a primeira loja em Lisboa. A marca pretende chegar a mais de 100 supermercados portugueses.

A primeira loja da Juste Bio em Portugal abre portas na Avenida Joaquim António de Aguiar, em Lisboa

A Maria Granel lançou a primeira pedra quando, em 2015, abriu a primeira mercearia biológica a granel em Portugal. Desde aí multiplicaram-se os espaços onde é possível comprar em quantidades certas e sem desperdício e até na maioria dos supermercados já há uma pequena secção dedicada à venda a granel.

Agora, Lisboa recebe a primeira loja da Juste Bio, uma rede francesa que trabalha em exclusivo com produtos biológicos certificados, todos a granel. Da lista de produtos à venda fazem parte chás, especiarias, frutos secos, cereais de pequeno-almoço, granolas e leguminosas.

A abertura deste supermercado marca o início da entrada desta marca em Portugal, uma vez que o objetivo é ganhar posição noutros supermercados, disponibilizando mais de 100 dispensadores em todo o país. Além disso, a marca disponibiliza a venda online de todos os seus produtos.

Aos produtos a granel, a loja de Lisboa junta outros produtos como sumos naturais, iogurtes skyrs, keffirs, queijos quark e iogurte grego sem lactose, gordura ou açúcar.

“Para nós o biológico é para todos”, garante Franck Bonfils, presidente da empresa, em comunicado. Franck assumiu o negócio criado pelo pai em 2011, numa pequena cidade francesa a 100 quilómetros de Marselha. Nessa altura, apostou no negócio de torra de amendoins na cozinha de casa para abastecer cervejarias locais. Uma grande encomenda faz com que o negócio cresça e Franck crie a marca Un air d’ici, à qual junta a produção de frutos secos e sementes.

Em 2013 a empresa cria dispensadores de produtos biológicos para que os seus produtos sejam postos à venda pelos seus clientes. A partir daí, marca, já com o nome Juste Bio, marca presença em mais de três mil supermercados franceses e, em 2017, abre, ainda em França, o primeiro supermercado da marca.

No ano passado, a empresa alcançou um volume de negócios de 49 milhões de euros, o que representa um crescimento de 61% face a 2017. Para 2019, as previsões da empresa francesa apontam para 75 milhões de euros de faturação.

Além de França e Portugal, a Juste Bio está também presente na Bélgica, Suíça e Luxemburgo.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]