Foi na noite de quarta-feira, 20 de fevereiro, que a O2 Arena, uma das salas de espetáculos mais importantes de Londres, no Reino Unido, se encheu de convidados para dar lugar à 39.ª edição dos Brit Awards — a gala de entrega dos prémios de música britânica onde, anualmente, são elegidos os Melhores Artistas, o Melhor Disco e a Melhor Banda do ano.

Além de Ed Sheeran, que ganhou o prémio de Artista Com Maior Sucesso Global, e que vem a Lisboa para dois concertos a 1 e 2 de junho, a noite foi de Jorja Smith e George Ezra que levaram o troféu de Melhor Artista Feminina Britânica e de Melhor Artista Masculino Britânico, respetivamente.

Os dois conquistaram a crítica depois de dois discos muito bem conseguidos, onde a fusão entre a pop e a música alternativa já faziam adivinhar o prémio mais cobiçado da cerimónia.

Bradley Cooper já foi nomeado várias vezes para os Óscares mas nunca ganhou. Não é o único

Mas a grande surpresa da noite foi talvez Dua Lipa que, apesar de estar nomeada para quatro categorias e de em 2018 ter ganho dois prémios, nesta edição só conseguiu conquistar o troféu de Melhor Single Britânico — que dividiu com o artista Calvin Harris, com quem colaborou, e que também venceu na categoria de Melhor Produtor Britânico.

Drake e The Carters (o grupo composto por Jay-Z e Beyoncé) venceram nas categorias expectáveis de Melhor Artista Masculino Internacional e Melhor Banda Internacional, respetivamente.

A cerimónia, que decorreu sem grandes percalços, contou ainda com atuações ao vivo de The 1975, a banda de pop britânica que venceu dois prémios. Mostramos-lhe a lista completa dos vencedores.

Melhor Artista Feminina Britânica

  • Jorja Smith

Melhor Banda Britânica

  • The 1975

Melhor Single Britânico

Melhor Artista Masculino Internacional

  • Drake

Artista com Maior Sucesso Global

  • Ed Sheeran

Melhor Artista Feminina Internacional

  • Ariana Grande

Prefere ver os Óscares com ou sem comentários em português? Este ano tem as duas opções

Melhor Banda Internacional

  • The Carters

Melhor Artista Masculino Britânico

  • George Ezra

Melhor Talento Britânico Emergente

  • Tom Walker

Melhor Videoclipe Britânico do Ano

Melhor Produtor Britânico do Ano

  • Calvin Harris

Melhor Disco Britânico pela MasterCard

  • The 1975 — “A Brief Inquiry Into Online Relationships”