Depois do Miquipal, na Parede, o próximo restaurante a receber a ajuda de Ljubomir Stanisic fica a cerca de três horas e 372 quilómetros de Lisboa. Chama-se Stop TIR e está localizado em Vilar Formoso, junto à fronteira entre Portugal e Espanha. No local, Pedro Cunha, o proprietário, e restante equipa tentam salvar o restaurante da falência devido à falta de clientes e à forte concorrência que existe nos arredores — composta por 5 restaurantes.

Segundo a sinopse divulgada pela TVI, os problemas são vários e quase todos decorrentes da falta de experiência do proprietário que durante quase toda a vida trabalhou enquanto camionista. “Sem formação ou experiência na área, Pedro e a equipa conseguem identificar os problemas, mas não os conseguem resolver. Essa será a tarefa de Ljubomir, que rapidamente diagnostica que está tudo errado”, lê-se.

O dono do Miquipal teve de tomar seis calmantes por dia durante o “Pesadelo na Cozinha”

A movimentação das equipas de produção do programa, captou a atenção dos habitantes de Vilar Formoso que dizem estar muito curiosos com o que vai acontecer no programa. Sem querer divulgar muito do que vai suceder no próximo domingo, 14 de outubro, deixamos apenas um breve comentário de uma das pessoas com quem a MAGG falou no local e que pretendeu não ser identificado: “Estamos muito curiosos porque sabemos que houve alguma confusão e até algum choro, o que não é de admirar tendo em conta o estado do negócio e o caráter das pessoas envolvidas.”

O novo episódio de “Pesadelo na Cozinha” vai ser transmitido imediatamente a seguir ao “Jornal das 8”.

18 fotos