Um cemitério de carros de luxo abandonados pelos donos. É isto que se pode encontrar em Sharjah, nos Emirados Árabes Unidos, a menos de 30 quilómetros do Dubai. Carros de luxo, antigos ou clássicos, são alguns dos veículos que ocupam este cemitério, já considerado o mais caro do mundo.

Dever dinheiro neste país dá direito a prisão. Por isso mesmo, e perante uma situação de crise financeira, a maioria dos locais e imigrantes preferem fugir, deixando muitas vezes os seus bens de luxo para trás. Esta sucata em Sharjah tornou-se conhecida por receber veículos de luxo, alguns até com a chave na ignição.

O programa de televisão “Top Gear” chegou mesmo a partilhar uma fotografia de um Ferrari Enzo abandonado no Dubai, com a frase “prepare-se para chorar”. O carro era uma edição especial e estava avaliado em mais de um milhão de euros.

5 fatores decisivos para as mulheres escolherem um carro

Mohsin Latif, um youtuber de 25 anos, acredita que este ferro-velho é o maior dos Emirados Árabes Unidos. Num vídeo partilhado no YouTube, explicou que o espaço reúne um pouco de tudo, desde “carros de luxo, carros antigos e carros clássicos”.

“Conseguem encontrá-los todos aqui. Não sei quantos anos têm mas estes são alguns dos carros mais caros do mundo. Ferrari, Rolls Royce, Bentley, Lamborghini, Range Rover, Mercedes, BMW, Audi, Mustang, seja qual foi o carro que quer, pode vir buscá-lo aqui.”

Apesar de o calor e o pó acumulado do deserto terem afetado os veículos, muitos dos carros são aproveitados e vendidos às peças. As peças de substituição em carros de luxo são raras e continuam a ser procuradas por todo o mundo. 

Mostramos-lhe algumas imagens dos carros que pode encontrar neste cemitério de luxo.

7 fotos