As mulheres dificilmente conseguem evitar uma mala cheia de tralha (ou de coisas que podem vir a revelar-se bastante úteis), mas quando no look do dia só fica bem aquela mala minúscula, nem sempre cabe tudo aquilo que queremos.

Foi então que as tote bags vieram revolucionar o conceito de meio de transporte para tudo que precisamos no dia a dia E tudo o que é preciso é com um pouco de tecido e alguma originalidade.

A verdade é que apesar do peso que conseguimos colocar numa tote bag, as duas asas que a suportam minimizam o esforço que pomos sobre o ombro. No início eram usadas principalmente para ir às compras — estando, por isso, muito associadas ao conceito de sustentabilidade — e só depois começaram a ser mais usadas em todas as ocasiões.

Ora, não só se multiplicaram os usos, como também a oferta. Surgiram várias marcas, muitas delas a usar o Instagram para se darem a conhecer. Mostramos-lhe cinco.

1. Liame

5 fotos

Os sacos da “Liame” são feitos com algodão 100% orgânico, dupla costura (para garantir que podem ser reutilizados vezes infinitamente sem se estragarem) e há cinco modelos disponíveis. O objetivo da marca é dar voz a quem encomendar estes sacos: “Contamos contigo para levares a tua personalidade, convicções e desejos futuros onde quer que vás”, refere uma das primeiras publicações da marca que surgiu no Instagram a 12 de agosto.

“Rebel with a cause” (“rebelde com uma causa”), “e se deres a volta à vida, a vida volta” ou “faça chuva ou faça sol”, são algumas das mensagens inscritas nas tote bags da “Liame”. Mas pode também criar a sua e escolher o design que melhor se identifica consigo.

2. Kamikulik

5 fotos

É Kamila Kulik quem cria as tote bags. “Kamikulik” surgiu na plataforma Etsy em 2018, mas só há pouco tempo é que as peças começaram a ser vendidas. “Cada tote bag para mim é como um bebé, cada etiqueta e cartão pensados ao pormenor”, conta Kamila numa publicação de Instagram onde anunciou as primeiras encomendas.

O Instagram é o principal meio de divulgação das peças — que incluem também t-shirts — e além das mensagens dos sacos, estes caracterizam-se pelo design inspirado nos artistas Picasso e Mattisse.

E porquê comprar uma destas tote bags? Kamila explica na página de venda online de cada artigo: são feitas com 100% algodão, vai estar a apoiar um pequeno negócio, pode levá-la para qualquer lado e com qualquer coisa e é uma peça criativa “como se estivesse a usar arte em qualquer momento”.

3. Kimono

5 fotos

Ao entrar na página de Instagram da “Kimono” pode pensar que é simplesmente uma página de partilha de fotografias de cães e gatos. Mas não: “Kimono é um projeto de moda de uma designer louca por cães e gatos. E humanos.”

Pelo menos é assim que Joana Rasteiro e Almeida, fashion designer e responsável pela marca, define o projeto. O foco não são apenas as tote bags (há também t-shirts ou as coleiras para cães), mas essas não faltam na página da rede social.

Além das ilustrações divertidas, os sacos têm desenhos de Fernando Pessoa acompanhados de uma das frases conhecidas do poeta e há ainda várias tote com a pintora e ativista mexicana Frida Kahlo.

4. Another Angelo

4 fotos

Começa a ser mais conhecido pelas frases que publica no Instagram do que pelas própria peças. Mas se procurar na página vai chegar até às tote bags e t-shits que se têm viralizado. As criações de “Another Angelo” estão à venda na plataforma de pop.

“Odeio odiadores”, “não me digas o que é mais correto quando o mais correto é não me dizeres nada” e “ignora ignorantes” — são exemplos das frases que encontra estampadas nas tote bags. Algumas já não estão disponíveis para venda, mas nada como aguardar por novas criações ou mesmo pelas velhas, que “Another Angelo” pode voltar a colocar à venda.

5. Ironic Lisbon

5 fotos

Ironic Lisbon nasceu em 2011 pelas mãos de um coletivo de artistas gráficos. A ideia dos artistas e ilustradores foi criar projetos que pudessem ser úteis no dia a dia, como é o caso das tote bags. Estas são inspiradas em artistas, escritores, físicos, etc — no fundo grandes personalidades da história.

A marca com mais de 12 mil seguidores no Instagram usa materiais orgânicos, como lona de algodão, madeira ou cabedal e a técnica de impressão usada é a serigráfica, um método tradicional.

A marca além de vender as peças online na plataforma Etsy, estendeu o conceito para um espaço físico: o Ironic Café & Bar.