Ângelo Rodrigues. Agente garante não haver risco de amputação

A agente confirmou esta quinta-feira, 5 de setembro, que o ator está fora de perigo. Agora, em comunicado, dá mais pormenores.

Ângelo Rodrigues foi submetido a quatro cirurgias desde que está internado

Ângelo Rodrigues continua internado no Hospital Garcia de Orta, em Almada, devido a uma infeção alegadamente causada por uma injeção de testosterona.

O ator foi internado a 22 de agosto e, desde então, já sofreu uma paragem cardíaca revertida pelos médicos e foi colocado em coma induzido devido a um choque sético. O jovem de 31 anos já saiu do coma e realizou tratamentos numa câmara hiperbárica, de modo a combater a infeção grave que tem na perna esquerda.

Esta quinta-feira, 5 de setembro, a agente do ator revelou à “TV7 Dias” que Ângelo Rodrigues já se encontrava fora de perigo. Agora, em comunicado enviado às redações, Diana Ramos dá mais detalhes sobre o estado de saúde do jovem.

“Vimos por este meio informar que Ângelo Rodrigues já se encontra totalmente fora de perigo. Até ao momento, Ângelo foi submetido a quatro intervenções cirúrgicas seguidas de um tratamento em câmara hiperbárica”, pode ler-se.

Para além de confirmar algumas informações avançadas pela imprensa, a agente revela também que não existe risco de amputar a perna esquerda — membro que estava infetado.

“Não existe qualquer risco de amputação da perna”, esclarece. “O ator agradece as inúmeras manifestações de carinho e todo o respeito demonstrado. Só serão dados mais esclarecimentos se houver alguma alteração do seu estado clínico”.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]