Se ainda não tinha planos para acabar o mês em grande, pode já começar a apontar este evento no calendário e partilhá-lo com os amigos mais próximos. Na última sexta-feira do mês, 30 de novembro, o andar inferior da discoteca Roterdão, em Lisboa, vai ser invadida por humoristas para uma noite de palco aberto — onde se promete um espetáculo repleto de boa disposição num ambiente mais intimista e descontraído.

“Cais a Rir” é o nome do espetáculo que se apresenta com um duplo sentido no nome. É que além de ter lugar marcado no Cais do Sodré, mais especificamente na rua cor de rosa, promete ainda alegrar as noites de todos os presentes que terão a liberdade de interagir e até fazer parte das piadas dos comediantes. O evento vai acontecer em regime de palco aberto, o que significa que cada humorista terá direito a cinco minutos de performance — que poderá ser feita com base num texto previamente preparado ou em jeito de improviso.

A ideia surgiu através de Catarina Matos, humorista e mestre de cerimónias deste evento que, conta à MAGG, tem como objetivo dar oportunidade aos humoristas de testarem o seu material para possíveis espetáculos futuros.

Fernando Rocha e Ana Garcia Martins vão participar no roast coletivo ao Toy

“O espetáculo vai ter uma atmosfera intimista e quem subir ao palco vai poder experimentar o que preparou em casa”, e assemelha este espetáculo a uma espécie de laboratório onde a ideia é dar lugar a “experiências”. Ainda assim, a humorista diz que este não será um palco exclusivo para espetáculos ao estilo de stand-up.

“Temos planeada a participação de imensos grupos de improvisação que poderão ir lá testar jogos, por exemplo, mas pode haver quem queira subir ao palco para fazer sessões de storytelling. Além disso, vamos também ter noites de roast temáticos, como o Natal, o Sporting ou qualquer outro assunto que seja sugerido pelas notícias”, continua.

Apesar de só estar marcada uma primeira sessão, a ideia é que o formato aconteça todas as sextas-feiras seguintes onde comediantes mais conhecidos chamem ao palco outros humoristas que eles considerem ter um futuro promissor na área do humor. “Vamos tentar sempre ter um equilíbrio entre amadores e profissionais para nos certificarmos da qualidade das noites”, e Catarina Matos não descarta a possibilidade de existirem convidados surpresa de que nunca ninguém estaria à espera.

Na primeira noite do “Cais a Rir” estão confirmadas as presenças dos Guardanapo (o grupo de humor composto por Guilherme Ludovice, Pedro Custódio e Rui Mirama), João Boneville e Miguel Neves como cabeça de cartaz.

A abertura das portas da discoteca Roterdão está marcada para as 21h30 e o espetáculo começa meia hora depois. O preço de entrada é de apenas 5€ e não há lugares marcados, pelo que o melhor é mesmo chegar bem cedo porque o piso inferior da discoteca só tem lugar para 40 pessoas sentadas.