Mundo

Som Dona. Este novo hotel abriu em Palma de Maiorca e só aceita mulheres

Privilegia o empoderamento feminino, tem uma cozinha sustentável e há quartos a partir dos 67€ por noite. Conheça o novo hotel que já está a gerar polémica no Twitter.

i

Abriu este ano em Palma de Maiorca e tem quartos a partir de 67€

Abriu este ano em Palma de Maiorca e tem quartos a partir de 67€

Se fizer uma pesquisa rápida no Google vai perceber que há hotéis para tudo. Há aqueles virados para viagens em grupo, outros pensados para uma estadia a dois. Mas seja qual for a opção, esteja atento aos pormenores. É que nas descrições dos espaços, até pode vir a indicação de que é o local perfeito para uma estadia a dois, mas o que acontece a maior parte das vezes é que não é bem assim, e que há sempre demasiadas pessoas, crianças, barulho, confusão. Mas há um hotel em Porto Cristo, Espanha, que não engana, e mostra logo ao que vem: no Som Dona só há mulheres, todas com mais de 14 anos, e os homens não podem entrar.

Cristina Ferreira de lingerie e sem Photoshop na edição de outubro da revista

O hotel abriu este ano em Palma de Maiorca, tem 39 quartos, pertence ao grupo espanhol Som Hotels e é o único em Espanha dedicado exclusivamente a mulheres. No espaço pode encontrar uma piscina, spa, uma livraria e terraço no telhado para que as mulheres se possam “desconectar do stresse do dia a dia”, lê-se no site oficial.

Toda a decoração do Som Dona é com base nos tons branco e vermelho, com espelhos e janelas amplas espalhadas pelas divisões, e a cozinha é descrita como “sustentável”.

Toda a decoração do Som Dona é com base nos tons branco e vermelho, com espelhos e janelas amplas espalhadas pelas divisões

Som Dona

E porque todo o ambiente é de empoderamento feminino, o recrutamento do staff dá prioridade a este género. “Um dos nossos objetivos é também dar uma certa visibilidade às mulheres que fazem um trabalho tradicionalmente masculino”, explica Joan Enric Capellá, presidente do Som Dona, à Lonely Planet.

As criticas a esta segregação de sexos não tardaram a chegar e no Twitter podem ler-se comentários como: “Dividir. Dividir. Dividir. Há sempre alguém a lucrar com a divisão das pessoas” ou “os homens também têm dores de cabeça”, numa alusão à decrição do hotel.

Não há restrições em relação à orientação sexual, mas só são admitidas mulheres com mais de 14 anos. Há quartos duplos, com vista para a piscina e modalidades de pequeno almoço e meia pensão. O valor de uma noite em quarto duplo começa nos 67€.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.