Kevin Ferderline acusa pai de Britney Spears de ser violento com um dos netos

Depois do incidente, o rapper americano quis mudar a custódia partilhada. Os dois filhos passam agora mais tempo com o pai.

Britney Spears e Kevin Federline separam-se há mais de uma década

A relação de Britney Spears e Kevin Federline nunca foi fácil e, apesar de estarem separados há mais de uma década, as controvérsias parecem não ter fim à vista. Desta vez, o rapper americano de 41 anos acusou o pai da ex-mulher, Jamie Spears, de ser violento com um dos filhos que tem em comum com a cantora.

O advogado de Ferderline confirmou à revista “People” a situação, e esclareceu que o momento ocorreu a 24 de agosto, quando Sean Preston, de 13 anos, e Jayden James, de 12, visitavam o avô.

“Houve um desentendimento que ocorreu enquanto a Britney e as crianças foram visitar Jamie, em sua casa, o que levou a uma discussão física que foi observada por Jayden”, explicou o advogado à mesma publicação. “A Britney fez a coisa certa e tirou as crianças de lá”.

Britney Spears com os filhos na Disneyland, no início de agosto

O site “The Blast”, citado pela revista “People”, afirma que o pai da cantora “abanou violentamente” Sean Preston depois de deitar abaixo uma porta de um quarto para chegar ao neto.

Como resultado da acesa discussão, Kevin Federline apresentou queixa na polícia de forma a tentar obter uma providência cautelar de emergência para os filhos. O advogado do rapper explica ainda que decidiram “não avançar para uma audiência preliminar sobre violência doméstica” depois de a cantora e os seus advogados terem tentado resolver as coisas.

Apesar disso, o ex-marido de Britney Spears tentou ajustar a custódia dos filhos. Antes do incidente, Federline e Spears tinham custódia partilhada dos dois filhos. Agora, o rapper quer ter uma custódia de perto de 90%.

De acordo com o “E! Online”, a custódia foi realmente alterada. Segundo documentos consultados pelo site, Kevin Ferdeline detém agora 70% da custódia de Sean Preston e Jayden James e Britney os restantes 30%. O mesmo site afirma que o acordo foi formalizado na semana passada.

“O Kevin não quer que os rapazes fiquem sem contacto com a mãe devido a um acordo pouco razoável”, disse o advogado de Kevin Federline ao mesmo site. “Os rapazes adoram a mãe mas o acordo de custódia que existe agora reflete o que o Kevin acredita ser o melhor para as crianças”.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]