Ângelo Rodrigues já não está em coma mas “prognóstico continua reservado”

A notícia é avançada pela agência do ator, que garante que houve "francas melhoras". Apesar da evolução, continua nos cuidados intensivos.

Ângelo Rodrigues foi para o hospital com uma infeção que poderá ter tido origem em injeções de testosterona

Depois de quase uma semana internado nos cuidados intensivos do Hospital Garcia de Orta, em Almada, o estado de saúde de Ângelo Rodrigues foi sofrendo constantes alterações, que o levaram a ter uma paragem cardíaca, a ser submetido a três cirurgias — a agência do ator contraria agora as notícias que avançavam que já tinham sido quatro intervenções — e a hemodiálise.

Esta quinta-feira, 29 de agosto, soube-se que o ator, de 31 anos, tinha sido posto em coma induzido para que os tratamentos pudessem ser executados de forma mais segura e agora a agência de Ângelo Rodrigues, a Glam, acaba de enviar um comunicado a informar que o ator já não se encontra em coma.

“Vimos por este meio informar que Ângelo Rodrigues já não se encontra em coma. Apesar das francas melhoras, permanecerá nos cuidados intensivos e o prognóstico continua reservado. Até ao momento, o Ângelo fez somente três intervenções cirúrgicas. A família agradece as inúmeras manifestações de carinho e todo o respeito demonstrado. Só serão dados mais esclarecimentos se houver alguma alteração do estado clínico do ator”, foram as informações enviadas pela agência.

Apesar de se ter falado numa quarta intervenção cirúrgica, a Glam garante que foram realizadas apenas três.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]