Fátima Campos Ferreira escondeu doença da família até o neto nascer

Dois meses depois de ser tornado público, a apresentadora falou pela primeira vez sobre o cancro da mama que teve em 2016.

Fátima Campos Ferreira confessou que só contou à filha que teve um cancro depois de o neto nascer

Fátima Campos Ferreira foi uma das convidadas dw “O Programa da Cristina” desta segunda-feira, 26 de agosto, e revelou pormenores sobre a sua doença – a qual só foi publicamente conhecida em julho deste ano.

Pela primeira vez, a apresentadora do “Prós e Contras” falou sobre o cancro da mama que teve em 2016. “Fui operada durante as minhas férias por causa do programa”, conta. “O cancro foi-me diagnosticado no final de maio. Eu fui operada a 18 de julho”. A doença foi detetada depois de uma mamografia feita em regime de precaução.

A apresentadora explicou que escondeu a doença dos telespectadores, da família e da direção de informação da RTP. Assim, foi-lhe permitido continuar a conduzir o programa semanal sem ter de o interromper.

Aos familiares também não contou de imediato. Fátima Campos Ferreira recordou que à filha só contou depois de o neto nascer, a 12 de julho desse ano. “Tive que esperar que o meu neto nascesse. Esperei uma semana”, relembra. O momento delicado coincidiu ainda com a morte dos pais. “Atravessei uma pequena depressão porque foi muita coisa junta”, confessa.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]