Já reparou que Meghan Markle faz sempre pose de mãos cruzadas? Há uma explicação

Seja num evento de solidariedade ou numa celebração real, a duquesa mantém a pose — mãos cruzadas sobre a barriga. Nós explicamos porquê.

Em 2018 surgiram rumores de que Megan Markle andaria a ter aulas de comportamento com Samantha Cohen, assessora da rainha

Facebook

A linguagem corporal é bem mais relevante do que aquilo que possa pensar — principalmente se estiver sob o olhar das câmaras a todo o momento, como é o caso de Meghan Markle. Sempre que sabe que vai ser filmada ou fotografada, a duquesa faz uma pose idêntica, com as mãos cruzadas sobre a barriga e os cotovelos para fora. E há uma explicação para isso.

Em entrevista à revista “Cosmopolitan” inglesa, a especialista em linguagem corporal Blanca Cobb explica que cada figura pública se posiciona sempre ou quase sempre com a intenção de transmitir algo. Para Cobb, a atitude da ex-atriz serve como um “escudo invisível — uma barreira para se proteger.” As mãos cruzadas são também uma forma natural para se sentir mais confortável.

Vasco Ribeiro, especialista em protocolo e etiqueta, explica à MAGG que o cruzar de mãos revela na mulher do príncipe algum desconforto. No entanto, quando acompanhada de carteira esta é a posição mais indicada para não ficar “abaixo dum certo nível corporal”, afirma o autor do blogue “a Hora da Etiqueta“.

Em 2018, Meghan celebrou união de facto com o príncipe de Gales, Henrique de Gales, e passou de atriz a duquesa. Após o casamento surgiram alguns rumores de que teria aulas de comportamento com a assessora sénior da rainha, Samantha Cohen. A verdade é que o visual da duquesa surge “polido” e não se altera a cada evento, o que demonstra um cuidado pensado.

Apesar de serem próximas, Kate Middleton e Megan não se apresentam da mesma forma. A duquesa de Cambridge mantém-se com as mãos ligeiramente mais para baixo deixando os braços praticamente estendidos. Uma posição que Vasco aponta como mais descontraída, “elegante e nobre”.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]