Vem aí um novo filme de “Matrix” com Keanu Reeves e Carrie-Anne Moss

Dezasseis anos depois do final da trilogia, Lana Wachowski vai assumir o papel de argumentista e realizadora da história.

Espera-se que o novo "Matrix 4" entre em fase de produção em meados de 2020

Keanu Reeves vai voltar à história onde já foi (e fez muita gente) feliz. Depois do sucesso da saga “John Wick”, sabe-se agora que o ator canadiano vai voltar a interpretar Neo no quarto filme do universo “Matrix”. A notícia foi adiantada esta terça-feira, 20 de agosto, pela revista “Variety”, que diz que a nova produção vai contar com algumas das figuras principais da história que começou a ser contada em 1999.

Além de Reeves, está também confirmado o regresso de Lana Wachowski (“Sense8”) que vai estar responsável pelo argumento e realização do novo filme. Da mesma forma, Carrie-Anne Moss (“Memento”) vai contracenar com Keanu Reeves ao dar vida a Trinity — a personagem que lhe valeu reconhecimento na indústria de Hollywood.

Segundo a mesma publicação, a ideia de fazer um novo capítulo da saga “Matrix” não é nova e os cerca de 16 anos de espera desde o terceiro filme tiveram que ver com os direitos da produção. O sucesso que Keanu Reeves atingiu nos últimos meses terá sido o pretexto perfeito para acelerar os planos.

“Nos últimos meses, os estúdios viram a popularidade Keanu Reeves em filmes como ‘John Wick 3’ e ‘Toy Story 4’ como o pretexto necessário para fazer avançar o desenvolvimento do novo capítulo. Um guião assinado por Wachowski fez aumentar ainda mais o entusiasmo”, lê-se.

Apesar do anúncio, sabe-se pouco sobre a história do novo “Matrix” e de que forma a personagem Morpheus, interpretada por Laurence Fishburn (“Hannibal”) vai ser abordada. Uma fonte oficial ligada à equipa de produção diz que há a possibilidade de ser chamado um ator mais novo.

Ainda segundo a “Variety”, que cita outra fonte oficial dos estúdios da Warner Bros., espera-se que “Matrix 4” entre em fase de produção em meados de 2020.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]