No dia 15 de agosto, Ashley Graham, modelo plus-size norte-americana, anunciou no Instagram que estava grávida do primeiro filho. Do casamento com o diretor de cinema Justin Ervin, que dura há 9 anos, surge agora o primeiro filho, que já começa a crescer e a transformar o corpo da modelo. Mas foi literalmente despida de preconceitos e com orgulho nas novas marcas que Ashley partilhou ontem uma fotografia com um único filtro: felicidade.

“Igual igual, mas um pouco diferente” é o que diz a descrição da modelo de 31 anos. Os seguidores do Instagram já estão habituados a que a modelo partilhe fotografias nas mostra estar confiante com o seu corpo, mas a última tem um significado especial pelo facto de estar relacionada com esta nova fase. A fotografia em que Ashley está nua mostra algumas estrias na anca e na perna.

A fotografia foi partilhada por Ashley Graham esta semana e muitos dos comentários são mensagens de apoio e carinho pela modelo

A publicação tem mais de 1 milhão de gostos e mais de 20 mil comentários. “Tu és uma inspiração! Gostava de ter uma percentagem desta confiança em algum momento da minha vida”, comenta um seguidor e outro diz: “Inspiras-me a amar o corpo que tenho agora depois de três gravidezes”.

Além dos fãs, várias celebridades também comentaram a fotografia da modelo norte-americana. É o caso da editora de moda Alex White, da CEO da Fridababy, Chelsea Rosen Hirschhorn, da treinadora pessoal das celebridades, Kira Stokes, ou ainda da maquilhadora Katie Jane Hughes. Entre os comentários pode ler-se “melhor todos os dias”, diz Kira, “linda mamã”, comenta a empresária Bozoma Saint John, ou “linda antes e linda agora… linda depois”, escreve a cantora Adrienne Eliza Houghton.

Apesar da mensagem positiva que Ashley quer passar, há quem não goste da partilha e faça comentários desagradáveis como “Boa sorte para quem lhe for dar a epidural” ou “Porque é que isto seria uma boa ideia para fazer as raparigas jovens pensarem que precisam de estar nuas no Instagram para se sentirem bonitas e respeitáveis. Por favor”.

Estes são alguns comentários escritos por mulheres, que criticam a fotografia publicada no Instagram. Já os homens, parece perceberem a mensagem: “Eu sou um homem e adoro ver isso. A minha mãe teve dez. Lembro-me de em criança ver a sua barriga. Ela explicou o que eram e isso fez-me sentir triste por ela. A minha mulher agora está no terceiro trimestre. Posso ver como o meu filho está a mudar a aparência física dela. Amor para todas as mulheres e por tudo o que vocês passam por nós, homens.”