10 peças do novo catálogo da IKEA (que está quase a chegar à sua caixa de correio)

A primeira edição do famoso catálogo remonta a 1951 e servia para comprar produtos à distância. Hoje, já chega a 54 países.

Há novidades a nível da tecnologia. Atenção: gato não incluído

IKEA

Ainda se recorda da emoção que era encontrar a nova lista telefónica ou as Páginas Amarelas na caixa de correio? Se para os mais jovens este conceito pode ser completamente desconhecido, para aqueles nascidos antes do ano 2000 essa mesma emoção pode ser facilmente substituída por um conhecido catálogo, que quase que já pode ser considerado uma tradição de agosto.

O catálogo das lojas IKEA, que é habitualmente distribuído pelas casas dos portugueses neste mês de verão, teve a sua primeira edição em 1951, e era usado como um método de vendas à distância. Desde então, tornou-se uma importante ferramenta de marketing da marca, e chega a 54 mercados, sendo traduzido em 38 idiomas.

Em Portugal, o início da distribuição da edição de 2020 começa já a 13 de agosto, com cerca de dois milhões de catálogos a chegarem às residências nacionais.

E há muito por onde escolher nestas 286 páginas recheadas de peças de decoração, mobiliário e até aparelhos de tecnologia, especialmente dedicados à qualidade do sono. A edição de 2020 apresenta novidades, bem como algumas das peças mais vendidas e populares das lojas a preços mais baixos.

Caso o catálogo não chegue a sua casa, pode sempre levantar um nas lojas IKEA espalhadas pelo País. Aproveite e personalize a capa através de uma fotografia captada num ambiente idêntico ao da capa original. O catálogo é-lhe entregue na hora, todas as sextas-feiras e fins de semana, das 10 às 22 horas, em todas as lojas da marca — mas apenas entre os dias 23 de agosto e 29 de setembro.

Na fotogaleria, destacamos 10 peças que pode encontrar nesta edição de 2020. Há novidades ao nível da tecnologia, soluções de arrumação e ainda produtos muito conhecidos da marca, a preços mais reduzidos.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]