NOS Alive. 20 looks que provam que o crop top é a peça-chave dos festivais de verão

Ainda que as temperaturas tenham descido, muitas fizeram questão de mostrar a barriga. Os crop tops foram a peça-chave do último dia.

A atriz Júlia Palha vestiu um crop top preto e combinou com uns calções de ganga e umas botas

Quando hoje em dia se vai a uma loja à procura de um top ou de umas calças, há duas coisas que podemos ter como certas: a primeira é que os tops vão ser curtos e que dificilmente encontrará um que tape a barriga, e a segunda é que as calças são culotte, ou seja, terminam aproximadamente na zona dos gémeos.

Tops com tecido suficiente para cobrir um tronco inteiro ou calças que vão até aos tornozelos são cada vez mais difíceis de encontrar e não sabemos quando esta tendência vai acabar.

Chegando a altura dos festivais de verão, os crop tops têm ainda mais saída. Os looks festivaleiros são maioritariamente compostos por crop tops e, por isso, esta foi uma tendência marcante no NOS Alive.

T-shirts, tops com decote halter, tops subidos de alças, tops mais decotados, o importante é que pelo menos um pouco da barriga esteja a ver-se. Há quem leve esta tendência da barriga de fora mais a sério e tenha vindo mesmo só de biquíni.

Vimos crop tops de todas as cores, de todos os modelos e de materiais como renda, licra, tricô ou algodão, combinados com calças — muitas delas culottes, claro — ou calções mini de ganga, belt bags, ténis ou botas militares. E, claro, com algum glitter para rematar o look festivaleiro.

Texto de Fabíola Carlettis, fotografia de Samuel Costa.
Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]