Quem costuma ir a festivais de verão ou a festas académicas, por exemplo, sabe o quão complicado é tentar ir à casa de banho. Para os rapazes é simples, mas para as raparigas pode ser uma tarefa hercúlea. As filas de espera são enormes e a sujidade e os maus odores não são nada convidativos. Às vezes, quase que é melhor aguentar e fazer em casa, certo?

Mas agora é possível demorar apenas 30 segundos a fazer xixi. Como? Graças à Lapee, a empresa responsável por criar os primeiros urinóis femininos — seis vezes mais eficientes do que as casas de banho normais. Esta ideia criada pela arquiteta Gina Périer, com a ajuda do seu amigo Alexander Egebjerg, surgiu no ano passado quando ambos trabalharam como voluntários num festival de música.

“Quisemos criar a versão feminina de um produto que existe em todo o mundo. Penso que não é complicado fazer um urinol para as mulheres. Acho que foi algo criado por homens e eles só pensaram neles próprios“, explicou Gina ao jornal britânico “The Guardian“.

Renovar o cartão de cidadão no multibanco? Sim, vai ser possível

Os urinóis Lapee levam três pessoas de cada vez e foram utilizados pela primeira vez durante o festival dinamarquês de música Roskilde, que termina este sábado, 6 de julho. E ao que parece, tem sido um sucesso — até já ganharam um prémio de criatividade.

Em declarações à mesma publicação, Gina afirmou que as raparigas que utilizaram estes urinóis cor de rosa em forma de espiral durante o fim de semana ficaram muito contentes. “Recebemos montes de mensagens no Instagram e todas elas diziam ‘Finalmente, algo para nós’. É tão degradante para as mulheres as idas à casa de banho”, explicou.

Ainda pode inscrever-se para ter 20 minutos grátis de trotinete todos os meses

De acordo com o site oficial da empresa, estes urinóis não têm portas — como acontece com os urinóis masculinos — e permitem às mulheres fazer xixi agachadas ou mesmo de pé. E o facto de não ter portas não é nenhum problema, muito pelo contrário.

“Na verdade, não é mais seguro ter uma porta. É o oposto. Ficamos numa posição melhor para nos defendermos, do que se formos trancadas numa cabine com alguém“, explicou a arquiteta.

O exemplo de um urinol da Lapee

Instagram

Em Portugal os festivais de verão estão prestes a começar — o Sumol Summer Fest começa esta sexta-feira, 5 de julho — mas ainda não há sinas da presença da Lapee.