Uma personagem de GoT pode ter morrido sem que ninguém reparasse

O último episódio da série continua a ser analisado até à exaustão. A mais recente teoria está relacionada com Grey Worm.

Para honrar a memória da sua dama perdida, Worm decide continuar sozinho o plano de deixar Westeros e partir para a ilha de Naath

Alamy Stock Photo

O último episódio de “A Guerra dos Tronos” chegou há quase duas semanas, no entanto parece que não foi tempo suficiente para absorver tanta informação. No meio de tantas mortes, reviravoltas e batalhas épicas, as teorias e análises à oitava temporada continuam a encher a internet, além de ocupar (muito) tempo nas conversas de café.

A mais recente discussão está relacionada com Grey Worm (Jacob Anderson). Depois de perder Missandei (Nathalie Emmanuel) às mãos de Cersei Lannister (Lena Headey), e Daenerys Targaryen (Emilia Clarke) para o punhal de Jon Snow (Kit Harington), o destemido comandante dos Imaculados fica sozinho no mundo. Para honrar a memória da sua dama perdida, Worm decide continuar sozinho o plano de deixar Westeros e partir para a ilha de Naath.

E é exatamente isso que o vemos fazer após a nomeação de Bran Stark como Rei do Seis Reinos. Parecia o fim de um capítulo para Grey Worm e o iniciar de outro, desta vez com menos sangue e guerras. No entanto, pode não ter sido isso que aconteceu — os fãs descobriram nos livros de George R.R. Martin uma informação que pode indiciar que Worm morreu assim que chegou a Naath.

É que, nos livros, o autor descreve a ilha de Naath como um local paradisíaco, no entanto fora do alcance de todos aqueles que não nasceram lá. “Estranhos… não vivem muito tempo na Ilha das Borboletas”, escreveu George R.R. Martin. O problema está nas presenças, que passam aos não-nativos uma doença mortal. Alguns dos sintomas incluem espasmos dolorosos, descamação da pele e suor de sangue.

Se for verdade, o destino acabou por ser cruel para Grey Worm.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]