Longe vão os tempos em que o Santo António se resumia a uma tarde de casamentos e uma noite de marchas e loucura. O santo padroeiro de Lisboa tomou conta de todo o mês de junho e, este ano, inova na forma de celebrar ao juntar a este trono, que era só seu, nomes como Fernão de Magalhães e António Variações.

Calma que o essencial não vai faltar. A cidade vai cheirar a sardinha assada como se quer e os bailaricos multiplicam-se por cada canto. No de Benfica, por exemplo, que acontece de 20 a 23 de junho, atua Toy, Rute Marlene e Cuca Roseta e no de Alvalade, de 7 a 16 de junho, há GNR e Avô Cantigas.

Este ano, de 9 a 13 de junho, a festa estende-se até ao mercado de Santa Clara, com um arraial vegetariano, o “Arraial Veggie Vibes” e no dia 22 de junho, o Terreiro do Paço é invadido pelo Arraial Lisboa Pride que, para já, só tem o nome do cantor Johnny Hooker como confirmado.

Inspirações para saber o que vestir na noite dos Santos Populares

Ainda a cumprir a tradição, as marchas, os tronos e os casamentos de Santo António regressam às ruas da cidade, mantendo-se como ponto alto das festas a noite de 12 para 13 de junho, em que 16 pares recém-casados, 23 marchas e uma convidada – Marcha Popular de Ribeira de Frades, de Coimbra — descem a Avenida da Liberdade.

A inovação dá-se por entre os eventos que já nenhum lisboeta vive sem. Logo no dia 1, na festa de abertura, há um espetáculo de funambulismo a atravessar a fonte luminosa da Alameda, a 30 metros do solo. Para quem não está familiarizado com a técnica, trata-se de uma arte circense baseada no equilíbrio de caminhar sobre uma corda tensa numa posição elevada.

Ainda no dia 1, a aproveitar o Dia Mundial da Criança, há um espetáculo de teatro, o “Guardar Segredo”, que convida a entrarem em dois guarda-fatos que durante o fim de semana vão estar colocados no Jardim da Quinta das Conchas. ainda a pensar nas crianças, comemora-se o primeiro aniversário do LU.CA —Teatro Luís de Camões, que preparou uma programação infanto-juvenil para os dias 31 de maio, 1 e 2 de junho.

E de volta às festas de adultos, ainda que todas as crianças sejam bem vindas, um dos homenageados é António Variações, celebrado de forma especial no ano em que faria 75 anos.

A 29 de junho, na festa de encerramento, marcada para as 22 horas no Jardim da Torre de Belém, músicos como Ana Bacalhau, ConanOsiris, Lena d’Água, Manuela Azevedo, Paulo Bragança ou SelmaUamusseemprestam o seu talento às músicas de Variações, que serão arranjadas, pela primeira vez, com base numa instrumentação sinfónica. Vamos, portanto, ter um “O Corpo é Que Paga” ao som de fagotes, trompas e violinos ou uma “Canção de Engate” feita com oboés, tubas e violoncelos.

Os 5 melhores restaurantes para curar a ressaca (depois de uma noite de santos)

Também Fernão de Magalhães é alvo de homenagem, tendo em conta que 2019 marca os 500 anos da sua viagem de circum-navegação.

A oitava edição do Festival Coros de Verão começa a 21 de junho com aquele que é o maior acontecimento coral do ano: a estreia da obra Linhagem, da autoria do compositor Eurico Carrapatoso, um espetáculo comemorativo da viagem do navegador português. Além dos coros nacionais, este ano o festival traz a Lisboa coros vindos da Eslovénia, Espanha, Irlanda e Alemanha.

Também o festival Com’Paço vai prestar homenagem ao navegador através da música, com a apresentação de bandas filarmónicas de todo o País no Jardim da Estrela e no do Arco do Cego. A Alameda D. Afonso Henriques é o palco escolhido para o concerto de encerramento, no qual os músicos (selecionados das bandas participantes, bandas da cidade de Lisboa e escolas profissionais de música parceiras) apresentam o trabalho realizado no workshop de Jovens Músicos Com’Paço, com uma convidada especial: a cantora Anabela.

Símbolo das Festas de Lisboa, o Concurso Sardinhas voltou a premiar seis participantes, depois de ter recebido propostas de candidatos oriundos de 31 países, com idades entre os 8 e os 87 anos. As sardinhas vencedoras vão andar pela cidade e é vê-las pintadas com alusões ao alojamento local, ao feminismo ou ao plástico encontrado nos oceanos.

6 fotos