Foi encontrada uma garrafa de água de plástico no último episódio de “A Guerra dos Tronos”

A série terminou, mas os erros nos episódios permanecem até ao final: depois do copo de café, há mais objetos insólitos em cena.

A garrafa surge junto ao pé esquerdo de Sam

Foi no dia 17 de outubro de 2011 que “A Guerra dos Tronos” se estreou na televisão norte-americana. Quando o primeiro episódio foi transmitido há nove anos, com o titulo “Winter is Coming”, ninguém fazia prever o sucesso mundial da série, somando fãs por todo o mundo.

E foi esta segunda-feira, 20 de maio, oito anos depois, que a série chegou ao fim. O último episódio de “A Guerra dos Tronos” ficou disponível na HBO Portugal às 2h da madrugada (embora também possa ser visto às 22h15 no canal SyFy) e, opiniões à parte sobre o sucesso desta última temporada, a verdade é que temos anos e anos de memórias para recordar enquanto ressacamos do fim da batalha pela trono de ferro.

Esta oitava temporada tem tido as suas falhas: para além do desenrolar da narrativa não ter agradado a muitos dos fãs, parece que a produção não tem andado muito atenta. Depois do descuido de terem deixado um copo de chá em cena, o derradeiro episódio da série também teve uma surpresa insólita.

Falamos da garrafa de água de plástico que não escapou aos olhos de lince dos espectadores, que notaram a sua presença ao minuto 46 (e 19 segundos, para sermos mais precisos) mesmo junto ao pé esquerdo do ator John Bradley, que interpreta Samwell Tarly na série, no momento em que Tyrion Lannister (Peter Dinklage) surge em cena.

E como se um erro não bastasse, há uma segunda garrafa a aparecer uns segundos mais tarde, na mesa cena, junto aos pés de Sir Davos (Liam Cunningham).

Ao contrário do episódio com a chávena de chá do quarto episódio, estas garrafas não parecem ter qualquer ligação a marcas, o que fez cair por terra as teorias de publicidade disfarçada. Com tanta pressa para chegar ao trono de ferro, parece que os erros nesta última temporada não param de se multiplicar.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]