Madonna sobre o envelhecimento: “Estou a ser castigada por fazer 60 anos”

Numa entrevista à "Vogue" britânica, a popular cantora falou da idade, das mulheres na indústria, mas também da relação com os filhos.

Madonna tem 60 anos e 40 de carreira

YouTube

Quebrou estereótipos, barreiras e incorporou o sexo nas suas músicas e vídeos quando ainda eram poucos os que ousavam falar do tema abertamente. Com uma carreira de 40 anos, Madonna nunca teve medo de chocar e de fazer ouvir a sua voz, mas diz agora que o público sempre a quis castigar — e, agora, está a ser culpada de envelhecer.

Aos 60 anos e com o seu 14.º álbum prestes a ser divulgado (Madame X chega a 14 de junho), a cantora é capa da edição de junho da “Vogue” britânica e deu uma entrevista onde falou abertamente dos ódios do público.

“As pessoas sempre me tentaram silenciar por qualquer razão, fosse por não ser bonita o suficiente, por não cantar bem o suficiente, por não ser talentosa o suficiente, por não ser casada o suficiente e, agora, é por não ser jovem o suficiente”, disse à mesma revista. “Estão sempre a tentar arranjar uma corda para me enforcar por eu continuar por aqui. Agora estou a lutar contra o envelhecimento, estou a ser castigada por fazer 60 anos”.

Na entrevista à conhecida publicação, Madonna falou também dos rumores que se geraram sobre o seu conflito com Lady Gaga e levanta o dedo à tendência da sociedade de colocar as mulheres umas contra às outras. Assume ainda que nunca se sentiu particularmente apoiada por outras mulheres na indústria.

“Ficou tudo muito excitado por nos verem [Lady Gaga e Madonna] como inimigas, mas nunca o fomos”, disse à “Vogue”. No entanto, a cantora de “Like a Virgin” garante que não tem modelos a seguir: “Ninguém faz o que eu faço. E isso é um bocado assustador. Posso olhar para trás para mulheres que acho extraordinárias como Simone de Beauvoir e Angela Davis, mas elas não tinham filhos. Eu sou mãe solteira de seis crianças, continuo a ser criativa, a ser uma artista, bem como politicamente ativa, tenho uma voz e faço tudo isto. Quero dizer, não há ninguém na mesma posição do que eu”.

Madonna continuou a falar dos filhos e explicou que tem uma grande necessidade de os proteger — agora mais do que nunca — e falou dos perigos da tecnologia, algo que a impede de permitir que o filho David, aos 13 anos, tenha telemóvel.

“Cometi um erro quando dei telemóveis aos meus filhos mais velhos quando eles tinham 13 anos. Destruiu a minha relação com eles, na verdade. Não completamente, mas o telemóvel tornou-se numa grande parte da vida deles. Foram inundados com imagens e começaram a comparar-se com outras pessoas, o que foi terrível para a sua autoestima”, afirmou Madonna.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]