O Porto é a cidade das camélias. E mesmo no inverno, quando os jardins ficam menos floridos, os do Porto não perdem a cor e tudo graças a estas flores que, ainda que originárias da Ásia, pintam a cidade de cor de rosa.

E mesmo não tendo sido inaugurado qualquer novo jardim no Porto, há um restaurante que lhe faz a vez, não só pelo nome — Camélia — mas porque, de facto, este é um espaço plantado na Foz do Douro.

Camélia

Mostrar Esconder

Morada: Rua do Passeio Alegre, 368, Porto

Horário: 9h-19h (fecha à seguda-feira)

A frase “Let a hundred flowers bloom” escrita em néon dá as boas vindas a este brunch garden — como gosta de ser conhecido — que conta com uma carta tão viva quanto as flores que servem de decoração.

“Estando na Foz, a dois passos do Jardim do Passeio Alegre, quisemos transportar a ideia de um jardim dentro de portas, num espaço onde possa desfrutar de boa comida, cocktails de autor e café de especialidade, rodeados de um ambiente floral e repleto de pormenores e com uma vista agradável sobre o Rio Douro”, explica Pedro Vieira, um dos sócios do Camélia.

Estes são os brunches mais instagramáveis de Lisboa e Porto

Numa carta que acompanha a originalidade do espaço, não há cá torradas com galão. “A cozinha é evoluída e a carta foi pensada ao pormenor”, garante Pedro. Comecemos então a folheá-la.

O restaurante fica rua do Passeio Alegre, na Foz

Nos ovos, há a versão mexidos com bacon (5,50€), benedict (6€ com cogumelos, 6,5€ com salmão e omelete (7€). Nas bowls, destacamos a de tataki de atum (6€) e a vegan (5,50€), com gnocchi de raízes e pesto de manjericão. Há também tapiocas, tostas e hambúrgueres, mas é nas panquecas que marcam a diferença. Desde as simples, apenas com manteiga, flor de sal e mel (4€) às de Nutella e Oreo (6€), há de tudo. O destaque aqui vai mesmo para as panquecas Dutch Baby que, demoram 20 minutos a serem feitas — avisa a carta — mas que fazem valer a pena a espera. Levam Oreo, framboesa, toffee, frutos secos e flores comestíveis (6,50€). Todas elas podem ser feitas com massa tradicional ou, na versão mais saudável, com banana e aveia.

Assim fica difícil escolher, não é? O Camélia facilita essa tarefa com o menu de brunch (12,5€) composto por sumo do dia, ovos benedict ou tosta de frango, panqueca de nutella ou de manteiga de amendoim, café ou chá. Para algo mais ligeiro, há um menu de pequeno-almoço (5,50€) com sumo, torrada ou croissant de cereais, compotas e manteiga, café oucchá.

8 fotos

As bebidas também são aposta forte da casa, tanto venha com a ideia de beber apenas um café ou lançar-se num cocktail mais arrojado. O café é de especialidade e conta com várias opções quentes e frias. Há ainda sumos naturais e smoothies, cervejas artesanais, sangria e vinhos. Nos cocktails, um clássico como a Mimosa (3,50€), feita com espumante e sumo de laranja natural, que pode até acompanhar o pequeno-almoço, ou algo que já pede um estômago mais forrado. E o caso do Camélia (7€), com vodka, flor de sabugueiro, manjericão, limonete e limão ou do Amor Perfeito (6€), com Rum, maracujá, lima, hortelã, salsa e tomilho.

Tudo isto pode servir para dar arranque ao dia, ou para um fim de tarde com vista para o rio. O Camélia está aberto de terça a domingo, das 9h às 19h.