Quantas vezes, enquanto navegamos pela internet, somos confrontados com notícias de ofertas de emprego que fazem sonhar qualquer um, como a degustação de chocolate ou a avaliação de hotéis. A alegria desaparece quando nos damos conta que a maior parte dessas ofertas são estrangeiras e não abertas a candidatura internacional. No entanto, surgiu agora uma proposta de emprego que envolve dormir sem ter de sair de casa – e o empregador é português.

A empresa portuguesa Koala Rest está a contratar pessoas para experimentarem almofadas. O contrato tem a duração de um mês e o escolhido vai receber mil euros para testar as almofadas da marca. Depois de iniciado o contrato, as almofadas serão enviadas para a casa de quem vai testar o produto, que deve avaliar as qualidades e defeitos dos vários modelos.

A empresa, que ainda não lançou o produto no mercado, não impõe regras de horário — a almofada pode ser experimentada em qualquer ocasião do dia ou da noite, enquanto dorme.

Jovem milionário procura assistente para o “trabalho mais cool do mundo”

Esta necessidade surge, segundo Bruno Madeira, um dos criadores da marca, em conjunto com a vontade de que o consumidor decida as características do produto. Quanto ao futuro empregado, esclarece em comunicado que o objetivo é que “a pessoa descanse na almofada, teste o produto através do uso contínuo, trabalhe em conjunto com a equipa industrial e de desenho de produto para melhorar a qualidade da almofada”.

A oportunidade de emprego é valida para maiores de 18 anos, residentes em Portugal e que estejam disponíveis pelo menos uma hora por dia a dedicar à empresa. Os interessados poderão candidatar-se através do site da Koala, na secção de emprego, até 15 de abril.