Chama-se Dark Sky Reserve (DSR) e prepara-se para ser a primeira zona do País certificada internacionalmente para observação de astros. Fica em Arcos de Valdevez, numa das portas de acesso ao parque Nacional da Peneda Gerês, e foi escolhida pela “qualidade excecional de noites estreladas e um ambiente noturno”, explica o presidente da autarquia, João Manuel Esteves.

À Agência Lusa, explicou ainda que o pedido de certificação será enviado até final do primeiro semestre para a Internacional Dark Sky Association, nos Estados Unidos, e que até ao final do ano o observatório está a funcionar. Caso a candidatura seja aceite, o Parque Nacional da Peneda Gerês será o primeiro local no País a dispor de uma zona certificada para observação de astronomia da International Dark Sky Association, uma das duas associações que atribuem certificados de DSR. A outra, a espanhola Starlight, já deu, em 2011, a certificação a outra zona do País, o Alqueva.

O projeto representa um investimento de 150 mil euros que será usado na certificação, na identificação da DSR, na aquisição de material para a observação astronómica e em ações de promoção da nova aposta.

Mapa interativo. Onde é que estava a sua casa há 750 milhões de anos?

Esta zona identificada fica numa das cinco portas de entrada do Parque Nacional da Peneda Gerês, que funcionam como estruturas de receção ao visitante.

A criação desta DSR, segundo o autarca, “visa promover o ecoturismo e a proteção de ‘habitats’ noturnos, ideais para a astronomia profissional ou amadora, bem como alertar para a preservação e reconhecimento dos céus escuros como um recurso valioso”.

Saturno vai perder os seus anéis muito mais rápido do que se imaginava, diz a NASA

A Porta do Mezio já há muito que promove eventos de trekking noturno com orientação pelas estrelas, assim como atividades ligadas à observação de corpos celestes através de telescópios e ainda fotografia noturna e astrofotografia.

Deixamos, por isso, uma sugestão para que possa apreciar as estrelas enquanto a área não fica delimitada. No dia 26 de junho, a empresa Borealis on Trekking vai realizar um passeio noturno durante o qual vão ser identificados os nomes dos astros e os métodos de orientação pelas estrelas.