Marca de colchões desafia Apple a remover o botão de snooze do despertador

O objetivo desta campanha é melhorar a qualidade de sono e reduzir os problemas mentais associados a noites mal dormidas.

Usar o botão de snooze pode ser prejudicial para a saúde

Raw Pixel

Acordar cedo custa a todos. Afinal, quantas vezes não carregamos uma ou duas vezes no botão de snooze do despertador, só para dormir mais cinco minutos? No entanto, são cada vez mais os especialistas em sono que vêm afirmar que este hábito pode colocar em causa a qualidade do sono e até a saúde mental de quem o pratica.

Por isso, a Eve Sleep, uma marca britânica de colchões, partilhou nesta sexta-feira, 15 de março em que se celebra o dia Mundial do Sono, uma carta aberta, também assinada por alguns especialistas do sono para que a Apple retire dos despertadores dos seus equipamentos o botão de snooze na próxima atualização de software. A Eve Sleep anunciou ainda que fará o mesmo desafio a outras marcas até ao final do ano.

Em declarações ao jornal britânico “The Mirror”, Matt James um neurocientista e especialista em saúde mental explicou que o uso do botão de snooze pode ser prejudicial para a nossa saúde mental, pois pode prejudicar a autonomia do nossos sistema nervoso. “Cada vez que carrega no botão de snooze está a agredir múltiplas vezes o seu corpo e o seu cérebro”, disse ainda o especialista.

Além disso, e acordo com este artigo do site norte-americano “Business Insider”, o botão de snooze não é benéfico para o sono pois faz com que o toque do despertador funcione como um sinal de que ainda se pode dormir mais uns minutos em vez de significar que é  já hora de acordar. Além disso, se tiver bastante cansaço acumulado e adormecer nesse curto intervalo de tempo, quando acordar vai parecer que não teve uma boa noite de sono.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]