Crítica. Gonçalo Peixoto quer inverno colorido

Não são cores óbvias ou fáceis de gostar, mas ainda assim fizeram-nos querer usá-las e esquecer o habitual preto e branco.

Por Fabíola Carlettis