Morreu Jô Caneças, uma das maiores figuras nacionais do social

A mulher de Álvaro Caneças lutava há vários meses contra um cancro no pâncreas. Morreu segunda-feira, 4 de março, aos 66 anos.

A socialte era casada com Álvaro Caneças, ex-marido de Lili Caneças

Facebook

Jô Caneças morreu esta segunda-feira, 4 de março, vítima de um cancro. A mulher de Álvaro Caneças, de 66 anos, uma das maiores figuras do social em Portugal, lutava há meses contra um cancro no pâncreas, que já se tinha alastrado a outros órgãos do corpo.

De acordo com a “TV 7 Dias”, a mãe da socialite também faleceu com um cancro do pâncreas, aos 42 anos. Jô Caneças perdeu a mãe com 13 anos e assumiu que foi uma morte que a marcou muito: “Sofri muito. Ninguém imagina. Senti-me sem chão, sem nada”, contou numa entrevista à revista “VIP”.

Depois da morte da mãe, a socialite mudou-se para Lisboa, arranjou um emprego numa fábrica de malas e estudava à noite, e assume que viveu tempos complicados. Na mesma entrevista, Jô Caneças recordou que não tinha sequer dinheiro para comprar bolos. “Lembro-me de passar numa pastelaria muito boa da Amadora e apetecer-me um café e um bolinho e ficar ‘com água na boca’ porque não tinha dinheiro”.

Aos 31 anos, casou-se com Álvaro Caneças, empresário mais conhecido pelo seu casamento com Lili Caneças, que nunca abdicou do apelido do ex-marido.

Jô Caneças lutou contra a doença durante meses a fio —”Enquanto tiver força vou continuar a lutar”—, e publicava várias imagens no Instagram a dar conta do seu estado de saúde. A 10 de fevereiro, assumiu estar internada nos cuidados intensivos e a aguardar por um tratamento inovador. Morreu a 4 de março, aos 66 anos, vítima de cancro.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]