Morreu Daniela Duque a jovem que emocionou o país

Daniela Duque fez um apelo em vídeo para angariar dinheiro para tratamentos a um cancro em estado avançado. Morreu aos 34 anos.

Daniela Duque tinha 34 anos e era natural de Santiago do Cacém

Num vídeo emotivo, Daniela Duque, contou ao país que, aos 34 anos, lhe tinha sido detetado um cancro no colo do útero em estado muito avançado.

Até ali, Daniela conta que tinha uma vida normal e até bastante ativa. “Trabalhava, corria, ia ao ginásio, ia à natação”, explica, até que tudo mudou em fevereiro do ano passado quando descobriu um problema no rim, que seria já efeito colateral do cancro.

Os médicos não lhe davam mais do que um ano de vida e, um ano depois de o vídeo ter sido publicado, Daniela morre, depois de vários internamentos e tentativas de internamento.

O vídeo servia, aliás, para angariar dinheiro para tratamentos quem poderia ser a sua última esperança, um na Alemanha no valor de 50 mil euros e outro em Lisboa, na Fundação Champalimaud, de 165 mil euros.

O vídeo de Daniela foi replicado milhares de vezes nas redes sociais, com muitas dessas partilhas feitas por figuras públicas, e foram organizados inúmeros eventos de solidariedade, além de terem sido montados vários pontos de recolha de fundos.

No grupo de Facebook “Voluntários Ajuda Daniela Duque“, uma amiga, Débora Santos, deixou esta madrugada uma mensagem de aviso a todos os que acompanhavam a história da jovem de Santiago do Cacém. “Venho em nome da família e amigos próximos da Daniela dizer que a nossa guerreira acabou por seguir o caminho das estrelas… uma dor imensa, uma revolta! Não ficou nada por dizer e nem amor para lhe dar, mas ela já estava muito cansada e decidiu ir dar mais luz ao céu”.

O velório acontece na Igreja de Vila Nova de Santo André e corpo da jovem vai ser cremado, este sábado, no crematório de Setúbal.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]