Canal americano e produtores da série discutem nova temporada de “Gossip Girl”

Atrizes Blake Lively, Penn Badgley e Leighton Meester admitem que o regresso é possível. Mas não é certo que as personagens sejam as mesmas.

"Gossip Girl" foi transmitida entre 2007 e 2012, nos Estados Unidos.

WireImage

Depois de seis temporadas a acompanhar as aventuras de Serena van der Woodsen (Blake Lively) e do seu grupo de amigos em Nova Iorque, a série “Gossip Girl” pode estar de regresso.

De acordo com o site norte-americano TV Line, Mike Pedowitz, presidente da CW (canal onde a série era transmitida), confirmou em conferência de imprensa que esta possibilidade tem sido discutida. “Muito dependerá também da Warner Bros e dos [produtores executivos], pois não iremos fazer nada sem eles“, acrescentou ainda. Por esclarecer ficou se o regresso de “Gossip Girl” será feito inteiramente com um novo elenco ou se contará com alguns atores do grupo original.

De acordo com o site da “Variety”, Blake Lively afirmou em 2017 que estaria disposta a regressar ao papel de Serena van der Woodsen, se fizesse sentido. “Na verdade depende de muitas coisas. Se voltava a fazer a mesma série sete anos? Não, porque é um trabalho muito duro e não quero estar tanto tempo longe dos meus filhos” disse Lively, acrescentando que já aprendeu na vida que “nunca se diz nunca”.

Já Leighton Meester, a atriz que interpretava Blair Waldorf, disse à revista norte-americana “Vanity Fair” que estava um pouco relutante em voltar a interpretar esta personagem. “É dificil de dizer”, afirmou. “Se o resto do elenco estivesse disponível e fosse a altura certa, quem sabe?”

Atualmente, pode (re)ver “Gossip Girl” na Netflix.  XOXO.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]