Mulher faz fertilização in vitro e descobre que já estava grávida de gémeos

Engravidar não é um processo fácil e rápido para todas as mulheres. Beata Bienias engravidou naturalmente e por inseminação em simultâneo.

Beata Bienias foi mãe a 13 de dezembro, às 34 semanas de gestação

Francis Hawkins/SWNS

São muitas as histórias de casais com dificuldade em engravidar, que passam anos a tentar ter um filho. Nem todos os desfechos são iguais: se há casais que desistem de ter filhos, há outros que optam pela adoção ou por fazer tratamentos de fertilidade.

Beata Bienias é polaca mas vive em Inglaterra. Aos 36 anos, estava há oito a tentar engravidar. Os médicos apontaram o seu excesso de peso (mais de 100 quilos) como a causa de não estarem a ter sucesso, o que a levou a perder mais de 30 quilos em seis meses. Depois de a perda de peso e de continuarem a tentar, sem sucesso, o casal optou pela fertilização in vitro.

A 2 de maio de 2017, a fertilização foi feita. Nove dias depois, Beata Bienias fez o teste e descobriu que estava finalmente grávida. Felizes com a notícia, decidiram fazer umas férias a dois durante duas semanas. Quando voltaram e foram fazer a primeira ecografia na clínica de fertilidade, receberam uma notícia que não esperavam. Beata Bienias estava grávida, mas de três bebés.

Nada de muito surpreendente quando se trata de fertilização, mas o caso tinha outros contornos. Um dos bebés era realmente resultado da FIV, mas os outros dois gémeos foram concebidos naturalmente, apenas uns dias antes da inseminação.

Beata Bienias, que acredita que esta gravidez foi um milagre, explicou ao “Mirror”: “Na clínica de fertilidade dizem-nos para não termos relações sexuais nos quatro dias que antecedem a colheita de óvulos, porque as hormonas podem fazer com que sejam fertilizados mais óvulos do que o normal. Mas devemos ter tido, porque na ecografia dá para ver que os gémeos foram concebidos na semana anterior à inseminação.”

Ao “Mirror”, Emma Cannon, expert em fertilidade há 25 anos, diz que nunca viu nada igual e que é quase impossível de acontecer. Mas aconteceu e os três bebés Amelia, Matylda e Borys, nasceram de cesariana a 13 de dezembro, às 34 semanas de gestação.

A bebé Amelia e os gémeos Matylda e Borys

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]