16 fotos da Super Lua Vermelha Sangue de Lobo à volta do mundo (incluindo Lisboa)

Durou cinco horas e 12 minutos. Aconteceu ao longo da madrugada de segunda-feira. A lua esteve maior, mais brilhante e ficou vermelha.

Várias pessoas não deixaram o fenómeno escapar — e captaram imagens incríveis

Se não viu a lua a ficar vermelha na madrugada desta segunda-feira, 21 de janeiro, então é provável que não a torne ver tão cedo. É que a Super Lua Vermelha Sangue de Lobo foi a última desta década. O eclipse decorreu ao longo da madrugada, tendo começado pelas 2h30 e terminado às 7h48. Atingiu o pico às 5h12, momento em que ganhou a nova cor.

Porém, se olhou para o satélite natural antes de ir para a cama, é possível que tenha notado que estava diferente, maior e muito mais brilhante. É a chamada Super Lua e é resultado de dois fatores: a Lua atingiu o perigeu, ou seja, o ponto mais próximo da Terra na viagem que executa em torno do nosso planta; e ao mesmo tempo entrou em fase de Lua Cheia. 

Mas ainda não terminou o conjunto de causas que criaram o cenário da passada madrugada. Em simultâneo, decorreu um eclipse total da Lua: a Terra ficou entre o Sol e Lua, projetando a sua sombra no satélite natural, que, por sua vez, atravessou completamente a sombra da Terra. A Europa Ocidental, onde se inclui Portugal, o continente Americano e Africano puderam ver o fenómeno completo. Ainda assim, o mundo esteve todo atento à nova forma do corpo celeste, como notou o “The Guardian“. Veja as imagens.

Hakkari, Turiquia

Anadolu Agency/Getty Images

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]