Há uma Bola de Berlim preta. Era capaz de provar?

Depois de Bolas de Berlim verdes da spirulina ou vermelhas do morango, a Berlineta lança uma preta, graças ao carvão ativado.

Esta é mais uma bola a juntar-se aos outros sabores 100% veganos

A Berlineta já nos tinha habituado a cores e sabores longe dos tradicionais. Falamos aqui de Bolas de Berlim, mas em vez do tradicional bolo com creme amarelo e polvilhado de açúcar, com cremes azuis, massas vermelhas e verdes e sabores que vão da alfarroba à Nutella, passando pela erva doce, beterraba, Oreo e Kinder Bueno.

Agora, e para começar o ano em grande, anunciam um novo produto que apresentam como único a nível mundial. Temos em crer que será. Afinal, acho que nunca ninguém no mundo se terá lembrado de fazer uma Bola de Berlim preta.

A cor deve-se ao carvão ativado, ingrediente principal da nova Bola de Berlim, que vem recheada com um creme de baunilha.

Este é um produto 100% vegano, pormenor no qual a marca tem vindo a trabalhar há algum tempo. Sem qualquer produto de origem animal, as opções já são muitas. A massa pode ser de trigo, de spirulina, limão, morango ou pistachio e as opções de creme são, entre muitas outras, mirtilo, maracujá, kiwi ou banana.

Na versão tradicional, ainda que de tradicional não tenham nada, as Bolas de Berlim da Berlineta podem ser feitas com massa de beterraba, alfarroba, espinafres, cenoura, erva doce, Oreo ou café. Os cremes são obscenos de tão gulosos: doce de leite, caramelo, Kinder, Nutella, café e Oreo.

A nova Bola de Berlim com carvão custa 1,50€ e pode ser comprada por encomenda ([email protected]) ou nos pontos de venda em Santa Apolónia ou Gare do Oriente, em Lisboa.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]