Natal. Os 20 melhores videojogos para os miúdos

Desde jogos com bonecos fofinhos ou de corridas com o Super Mario, estas são as sugestões da MAGG para deixar o garoto lá de casa contente.

No novo Pokémon, o jogador tem de apanhar todas as criaturas fofinhas do universo e pode ainda jogar com amigos

Embora seja cada vez mais difícil respeitar as idades mínimas dos vários videojogos na altura de os oferecer como prenda, à partida um jogo muito violento ou assustador não será a melhor opção para os miúdos. Isso inclui o clássico Red Dead Redemption II ou o violento God of War que foram recebidos pela crítica com muitos elogios, e são já considerados os melhores jogos de 2018.

É que os miúdos querem cada vez mais jogar aquilo que os adultos jogam e, por vezes, pode ser difícil não lhes fazer a vontade. Foi a pensar nisso que escolhemos os melhores jogos para oferecer aos garotos, onde não há violência ou momentos assustadores capazes de os deixar traumatizados ou com medo de jogar.

É o caso do novo Pokémon, para a Nintendo Switch, onde o jogador é um treinador de Pokémons que terá de percorrer o mundo à procura destas fofinhas e adoráveis criaturas.

Além disso, escolhemos também o Little Big Planet 4, para a PlayStation 4, onde os miúdos controlam um boneco animado numa espécie de jogo de plataformas. O objetivo é chegar ao final dos desafios depois de ultrapassar todos os obstáculos que vão aparecendo. Mas há também um jogo de corridas com o Super Mario e todas as outras personagens do universo animado da Nintendo.

Estas são as 20 sugestões de melhores videojogos para os miúdos da sua família.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]