Sabe o que é o fator D? É isso que determina se é psicopata ou narcisista (faça aqui o teste)

A sociedade atual cria cada vez mais distúrbios psicológicos nas pessoas. Faça o teste e saiba se tem traços de psicopatia ou narcisismo.

Os participantes tiveram de concordar ou discordar de frases como "eu sei que sou especial porque toda a gente me diz isso"

Alex Mihai/Unsplash

Psicopatia, narcisismo e maquiavelismo. Segundo os psicólogos, é esta a tríade negra da personalidade, uma interseção das três tendências mais malévolas do ser humano. Só que existem outras, como o egoísmo, o sadismo ou a maldade. Por detrás de tudo isto, há um núcleo central e comum ao lado mais negro do homem.

Pelo menos é nisso que acreditam os psicólogos alemães Morten Moshagen e Benjamin E. Hilbig, e o dinamarquês Ingo Zettler. Num estudo publicado em outubro na “Psychological Revie”, eles conseguiram descobrir a força motriz que espoleta os nossos impulsos mais sombrios.

Chamaram-lhe Fator D. De uma forma geral, indivíduos com um Fator D elevado tendem a perseguir imperiosamente os seus próprios interesses, mesmo que isso afete negativamente os outros, enquanto tiverem crenças que justifiquem esses comportamentos.

Numa série de quatro estudos individuais, que envolveram mais de 2.500 participantes, os investigadores realizaram nove inquéritos, cada um com o objetivo de medir um traço sombrio de personalidade específico.

Apresentamo-los de seguida.

1. Egoísmo: preocupação excessiva consigo próprio em detrimento dos outros.
2. Maquiavelismo: manipuladores, são extremamente calculistas e insensíveis.
3. Narcisismo: admiram exageradamente a sua própria imagem, são egocêntricos e julgam-se no centro do mundo.
4. Desapego moral: tendem a cumprir as suas necessidades indiferentes às regras morais.

5. Direito psicológico: acreditam que têm direito a mais do que os outros.
6. Psicopatia: insensíveis, manipuladores, com dificuldade em sentir empatia ou remorso.
7. Sadismo: são cruéis com os outros, procurando muitas vezes humilhá-los ou infligir-lhes dor ou sofrimento de forma a afirmar o seu próprio poder ou simplesmente por diversão.
8. Interesse próprio: procuram ser socialmente valorizados, seja através de status social ou de bens materiais.
9. Rancor: emoção que não lhes permite esquecer uma determinada situação.

Os participantes tiveram de concordar ou discordar de frases como “eu sei que sou especial porque toda a gente me diz isso”, “faço qualquer coisa para atingir os meus objetivos” ou “magoar os outros pode ser excitante”.

Com as respostas em mãos, os investigadores concluíram que, apesar destes traços serem todos distintos, em determinado ponto eles acabam por se sobrepor. Isto acontece devido ao núcleo central negro, o Fator D, que se manifesta de forma diferente nas pessoas.

Os investigadores criaram um site onde qualquer pessoa pode determinar o seu Fator D. Há três testes diferentes, que variam no nível de complexidade — consoante o escolhido, o tempo despendido vai desde os cinco até aos 20 minutos.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. [email protected]