Depois do sucesso do disco “Coração Não tem Idade”, lançado em 2017, Toy vai ser alvo de um roast coletivo no Campo Pequeno, em Lisboa.O músico português vai ser homenageado através de piadas feitas por um elenco composto por algumas personalidades portuguesas conhecidas.

Depois de Jel, Pedro Chagas Freitas, Joana Amaral Dias e Rui Sinel de Cordes, que assumirá o papel de mestre de cerimónias (ou roast master), juntam-se a eles o comediante Fernando Rocha e Ana Garcia Martins, autora do blogue “A Pipoca Mais Doce” para uma sessão de humor e boa disposição às custas do cantor popular português.

“O Toy foi jurado do ‘Ri-te, Ri-te’, um concurso de anedotas da TVI onde eu fui o vencedor. Mas o meu grande amigo Toy foi o único que me deu má pontuação. Agora pensem bem há quanto anos eu estou à espera deste dia. Ninguém merece mais estar a assar este gajo do que eu, mas como gosto dele vou assá-lo com aqueles molhos gourmet”, diz Fernando Rocha à MAGG.

Revenge of the 90s: qual é o segredo da festa mais épica de sempre?

Já Ana Garcia Martins, que também falou com a MAGG, diz que esta vai ser uma noite “para dar e levar porrada” e que Toy é o seu guilty pleasure pimba. “Há quem aprecie uma Ágata, uma Romana, um Emanuel, mas para mim nenhum destes chega aos calcanhares do Toy. Estamos a falar do homem que conduz com os joelhos, como não amar?”, continua.

“Diria até que o Toy é demasiado grande para este país. E um homem que se predispõe assim a mostrar as suas fragilidades sentimentais tem sempre um lugar quentinho no meu coração.”

O espetáculo está marcado para 13 de dezembro e os bilhetes já estão disponíveis para compra através da Ticketline. Custam entre 20€ a 35€.