Se há uns anos era impensável ou, pelo menos, bastante improvável vermos as maiores trendsetters internacionais a “desfilar” nas ruas, durante as semanas de moda, de ténis, hoje quase que estranhamos os saltos altos.

Passaram a ser uma peça obrigatória até nos looks mais fancy e a chamar tanto a atenção como uma mala ou como uma peça de roupa de luxo. Mas este ano, quando falamos em ténis, não falamos nos modelos mais clássicos que se usam desde e para sempre, mas sim de um modelo bastante mais controverso.

Tendência anos 70. 22 peças com xadrez, padrões geométricos ou bombazina que pode encontrar nas lojas

Os “dad sneakers”, da família dos “chuncky sneakers” que tanto se usaram nos anos 90, voltaram, mas desta vez em versão feminina. Talvez não muito feminina, pois não são os ténis mais elegantes de sempre.

Ainda assim, são muito usados e marcas como a Louis Vuitton ou a Nike esgotaram imediatamente estes modelos. O facto de tantas bloggers e influenciadoras digitais estarem a partilhar fotografias com eles calçados, provavelmente ajudou.

Nas imagens de street style, vemos estes ténis combinados com topo o tipo de looks. Vestidos de seda, saias plissadas com T-shirts, fatos completos, macacões, jeans.

19 fotos

Por cá, há um modelo em particular, da Uterque, que está a ser mais falado que os outros. Instagrammers como Catarina Pereira, Carolina Nashtai ou Mafalda Patrício, que fazem parte daquilo a que a marca intitulou de #uterquesquad, têm vindo a partilhar fotografias a usar estes ténis.

5 fotos