Enquanto Meghan Markle (“Chefes Intragáveis”) desistiu da carreira de atriz ao casar com o Príncipe Harry, no Reino Unido, Patrick J. Adams (“Dias de Loucura”) foi à procura de novos desafios e também saiu da série “Suits”. O que significa que na nova temporada da série de advogados duas das personagens principais mais importantes da história já não estarão presentes. Como se aguenta uma série assim? Com novas personagens e uma história totalmente diferente.

A ausência dos dois não será ignorada nos novos episódios e, além de serem mencionados várias vezes, há até uma explicação muito coerente para que não estejam presentes. É que no final da última temporada, Rachel e Mike (as personagens interpretadas pelos dois atores), decidiram casar e abrir uma firma própria de advogados em Seattle. 

Tudo isto traz vários problemas a Harvey Specter (Gabriel Macht) que, devido aos escândalos recentes da última temporada, foi obrigado a juntar-se à firma de Robert Zane (Wendell Pierce). Não só Harvey fica sem o seu braço direito como ainda terá de lutar pelo lugar de sócio-gerente na nova sociedade entre Specter e Zane.

Com a junção de ambas as firmas chega uma nova personagem chamada Samatha Wheeler, interpretada pela atriz Katherine Heigl (“Anatomia de Grey”) que será uma das aliadas mais importantes de Zane nestes novos episódios e quem vai gerar mais conflitos com as restantes personagens.

A história real (e insólita) que inspira a nova série da criadora de “Anatomia de Grey”

As outras figuras importantes da série vão continuar com a mesma regularidade, à exceção de dois casos. Amanda Schull (“Pequenas Mentirosas”), a atriz que dá vida a Katrina Bennett foi promovida a personagem principal para colmatar a ausência de Meghan Markle que tinha uma grande presença enquanto personagem feminina. Da mesma forma, Dulé Hill (“Os Homens do Presidente”) vai ganhar maior protagonismo enquanto braço direito de Harvey — ocupando assim o lugar que Patrick J. Adams ocupava até aqui.

Segundo a revista “USA Today” que já viu o primeiro episódio da nova temporada, ainda faz sentido ver “Suits” e que o canal está empenhado em continuar a série por vários anos já que teve “muita facilidade em substituir duas das personagens principais por outras com tanto ou mais carisma que as anteriores.”

A mesma publicação escreve ainda que a chegada de Katherine Heigl demonstra inteligência e maturidade por parte dos produtores, já que é uma oportunidade de “a atriz se desviar dos papéis do estilo de novela a que estava habituada”. A atriz esteve durante sete anos a desempenhar a mesma personagem na série dramática “Anatomia de Grey”.

A oitava e nova temporada estreou nos EUA esta quarta-feira, 18 de julho, mas só chega a Portugal a 27 de julho no canal TVSéries onde tem o nome “Defesa à Medida”. A transmissão está marcada para as 21h45.