Deadpool é capaz de ser um dos super-heróis mais estranhos de toda a história da banda desenhada da Marvel. A personagem, que é conhecida por ser altamente instável, hilariante e fofinha, chegou aos cinemas em 2016 interpretada por Ryan Reynolds (“Enterrado”). A longa-metragem, realizada por Tim Miller, não só foi um sucesso de bilheteiras como ainda foi o filme mais descarregado ilegalmente em 2016.

Devido ao sucesso de “Deadpool”, era expectável que uma sequela chegasse não muito tempo depois e o realizador até já tinha planos para novas personagens — como o mutante Cable, que será interpretado por Josh Brolin (“Este País Não É Para Velhos”) neste novo filme.

Embora o segundo filme estivesse pensado desde 2015, só chegou a ser confirmado dias depois da estreia do primeiro nos cinemas. Em Portugal, “Deadpool 2” estreou na quinta-feira, 18 de maio, naquela que é a primeira produção sem Tim Miller na cadeira de realizador. O realizador norte-americano foi afastado da produção devido a “divergências de ordem criativa” com Ryan Reynolds — que pretendia que a sequela apostasse no mesmo tom satírico, irreverente e até provocador que tinha tornado o primeiro filme num caso de sucesso.

Se vai aproveitar este fim de semana para levar a família ao cinema a ver aquela que é a personagem mais insólita do universo dos super-heróis, a MAGG mostra-lhe algumas das fotografias mais curiosas e engraçadas dos bastidores de gravações do segundo filme, desta vez realizado por David Leitch (“John Wick”) para o deixar ainda mais entusiasmado.

9 fotos