Cannes. O que as portuguesas que lá estiveram vestiram

Sara Sampaio é já uma presença assídua nas passadeiras vermelhas. Mas em Cannes, houve mais portuguesas a brilhar.

As portuguesas marcaram presença quer na passadeira vermelha quer em eventos de marcas

Entre 8 e 19 de Maio, a Riviera Francesa recebe o Festival de Cannes e é para lá que as atenções de todo o mundo se viram. Mas, apesar de ser um festival de cinema, o destaque vai quase todo para a passadeira vermelha.

Todos querem saber quem foi e o que vestiu, mais do que os filmes que foram premiados. Mas se há uns anos eram quase só os atores de Hollywood que se destacavam neste evento, agora são também as cantoras e modelos do momento, como RihannaKendall Jenner, Bella e Gigi Hadid, Irina Shayk, Izabel Goulart, entre outras.

De ano para ano a passadeira vermelha de Cannes ganha ainda mais atenção por parte da imprensa de todo mundo, e este ano, contou também com a presença de várias portuguesas.

A modelo Sara Sampaio, que já tinha estado presente no ano passado, voltou a ser um dos grandes destaques quer no evento principal, quer nos outros que vão acontecendo ao longo do festival, como por exemplo o da Chopard e o da Naomi Campbell.

Mas não foi a única portuguesa presente. Rita Pereira também desfilou nesta passadeira, pelo segundo ano consecutivo e fez questão de eleger uma designer nacional para a vestir, Micaela Oliveira.

A fadista Gisela João também voou para Cannes enquanto embaixadora portuguesa da marca de gelados Magnum, onde esteve com os outros embaixadores Bella Hadid e Alexander Wang.

As apresentadoras Pimpinha Jardim e Marta Aragão Pinto viajaram juntas até França e ambas elegeram vestidos da designer angolana Rose Palhares para desfilar na passadeira vermelha.

Até ao final do festival, a 19 de Maio, ainda outras personalidades nacionais e internacionais irão marcar presença em Cannes.

Partilhe
Fale connosco
Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado. fabiolacarlettis@magg.pt