Já não se via uma movimentação assim desde o europeu do ano passado. Montam-se ecrãs gigantes, preparam-se petiscos feitos a pensar na grande noite e até já foram criadas bebdias com o nome que leva Portugal à final.

É já no sábado a final da Eurovisão que, por acontecer em Lisboa, pôs o país a vibrar de uma forma que, lá está, só estávamos habituados a ver quando o assunto é bola. Desta vez, ainda que sem Éder, Portugal aposta tudo na dupla de atacantes Isaura e Cláudia Pascoal. Só assim chegávamos a bicampeões, tendo em conta que, já no ano passado, a taça foi nossa. E pronto, esgotamos em dois parágrafos todas as comparações futebolísticas que o nosso limitado conhecimento é capaz de alcançar.

Passemos então à música e à melhor forma de a apreciar, até porque há já sítios a preparem-se para dar as melhores condições a quem quer assistir à final fora de casa. Temos três sugestões:

Ecrãs gigantes no Tereiro do Paço

Desde o dia 4 de março que está montada no Terreiro do Paço um autêntico festival, fora do verdadeiro. Na Eurovillage há concertos, banquinhas de comida, bares, programas em direto, merchandising e ecrãs gigantes, onde são passadas as semifinais e, claro, também a final.

No dia 12, Symphony, com concerto marcado para as 17 horas, e Ruslana, às 18 horas, antecipam a grande final, que será transmitida em direto, em ecrãs gigantes, na Eurovision Village a partir das 20h30. A entrada é gratuita.

As 6 curiosidades que provavelmente não conhecia sobre o Festival Eurovisão da Canção

Unir a Europa num menu

No Fontana Bar & Lounge, localizado no DoubleTree by Hilton Lisbon – Fontana Park, o Festival Eurovisão 2018 dá o mote a experiências gastronómicas que prometem unir a Europa mais do que alguns tratados internacionais. Chama-se, obviamente, “Menu Eurovisão” e junta um conjunto de pratos típicos do sul da Europa como ovos mexidos com farinheira, tortilha espanhola e risotto de cogumelos. Para cada um destes pratos há uma sugestão de bebida a acompanhar: ginja, vinho Gerês e limoncello, respetivamente. Pode ser degustado enquanto se assiste às semifinais e finais de Eurovisão, uma vez que é servido até dia 12 entre as 18 e as 22 horas. Ah, custa 20 euros.

Brindar com ‘O Jardim’

Mais um hotel a entrar no espírito Eurovisão.

O Evidência Belverde fica junto à Aroeira e preparou um menu especial para os próximos dias. No bar do hotel, o “Shot Bar”, os clientes podem escolher entre a Sangria Rosé “O Jardim” (12€) ou o cocktail “All Abord” (6€), criados para homenagear a prestação portuguesa no festival. Se optar pelo cocktail, saiba que é feito com a mistura de Blue Coração, Gin, Malibu, lima, xarope de açúcar, hortelã e 7UP.

Para que não caia em estômago vazio, o chef preparou uns petiscos. Há uma trilogia de mini hambúrgueres (15€), berlindes de charcutaria portuguesa (9€), salada de polvo (10€), tábua de queijos (12€) ou uma tábua mista de queijos e fumados (15€). As televisões vão estar, claro, sintonizadas na grande final.