O dia da mãe está a chegar e, embora seja apenas uma data simbólica, há uma mensagem que podemos tirar de todas as montras com corações e almofadas cor-de-rosa com que nos cruzamos esta semana – não nos podemos lembrar das nossas mães apenas neste dia. Porque elas lembram-se de nós todos os dias.

Quem é que ficava acordada a noite toda quando estávamos doentes? A nossa mãe. Quem é que conduzia horas para nos levar a todas as atividades que queríamos fazer? A nossa mãe. Quem é que movia mundos e fundos para que pudéssemos ter algo que queríamos tanto? A nossa mãe. Quem é que não dormia até chegarmos a casa da discoteca? A nossa mãe.

Mas agora crescemos, já temos a nossa vida e dedicamos a ela apenas um dia do ano.

E se voltássemos atrás no tempo e só pudesse falar com a sua mãe quando a visse?

É mais ou menos esta a ideia. Porque provavelmente até fala com a sua mãe todos os dias por mensagem – olá mãe, sim comigo tudo bem, beijinhos e até logo – mas a conexão digital jamais irá superar a conexão humana. E se só pudesse falar com a sua mãe quando a visse, eventualmente dar-lhe-ia mais atenção. Distribuímos o nosso tempo diário por um número sem fim de pessoas mas a nossa mãe não pode ficar perdida no meio de todas essas coisas que já fazemos quase em piloto automático. E é difícil pensar nisto mas a nossa mãe não vai cá estar para sempre.

Assim, o Dia da Mãe tem de servir para nos lembrar que ela é a pessoa mais importante da nossa vida. É a pessoa que pensa sempre em nós em primeiro lugar e merece mais do que uma mensagem, mais do que um almoço por mês só para picar o ponto, mais do que um telefonema para ficar com os netos quando queremos jantar fora, mais do que um pedido de ajuda quando ficamos sem dinheiro… E para quem mora longa da mãe, acrescente-se: mais do que uma visita nas férias que é quando o tempo ajuda.

Há quanto tempo não liga à sua mãe só para lhe perguntar como ela está?

Apenas para saber como foi o seu dia. Apenas para a ouvir. Porque o melhor presente que poderá dar à sua mãe – em qualquer dia – é o seu tempo e a sua atenção. Peça-lhe conselhos, seja sobre a vida pessoal, as relações, o emprego ou os filhos. Porque não há melhor experiência de vida que a da nossa mãe e melhores conselhos que os da pessoa que nos tornou aquilo que somos hoje.

Almoce mais vezes com ela, ao invés de passar todo o seu tempo livre com o namorado ou as amigas. Arranje mais ocasiões para estarem juntas como um lanche depois do dia de trabalho. E quando vai jantar lá a casa, não passe o tempo todo ao telefone ou a ver as redes sociais como se estar com a sua mãe fosse um grande frete. Ou como se houvesse outro sítio onde preferisse estar.

E há mil e uma formas de mostrar à sua mãe que pensa nela durante o dia e que se preocupa com as suas necessidades. Quando a nossa mãe vai ao supermercado, lembra-se sempre de qualquer coisa que precisamos. Porque não faz o mesmo? Porque não lhe liga quando for às compras para saber se ela precisa de alguma coisa? Porque não lhe dá um livro que sabe que ela vai gostar? Porque não lhe compra uma camisola que sabe que lhe vai ficar bem? E quem diz camisola, diz qualquer outra coisa.

E agradeça à sua mãe por tudo aquilo que ela fez por si

Não tem de lhe dizer obrigada todos os dias. Apenas tem de lhe mostrar esse reconhecimento. Como? Com todas as sugestões que demos nas linhas atrás. Ao invés de responder com monossílabos às mensagens que ela lhe manda para saber se está tudo bem.

Assim, neste Dia da Mãe, dê-lhe aquilo que ela mais quer de si – o seu tempo. E aproveite o dia para criar novas memórias entre mãe e filha. Lembra-se quando ela lhe dizia que ia ficar careca de tantas preocupações? Era apenas um ditado popular mas este é exatamente o momento de a recompensar por todos os cabelos que a fez perder.

Pode passar a manhã com a sua mãe, tomem o pequeno-almoço juntas e, para a surpreender, leve-a a um salão Kérastase para fazer um diagnóstico e um tratamento ultra-personalizado às necessidades do seu cabelo.

O Fusio-Dose é um tratamento exclusivo no salão com 20 combinações possíveis, conforme o diagnóstico realizado pelo cabeleireiro. E mesmo que a sua mãe seja daquelas que vai dizer que não tem tempo para estas coisas ou que está preocupada com o almoço que ainda tem de fazer para a família, este tratamento não tem período de pausa e permite uma transformação capilar instantânea em apenas quinze minutos.

O resultado final será um cabelo deslumbrante, leve, o efeito WOW que vai surgir na cara da sua mãe e, mais do que uma recordação de um momento passado juntas, é a sua mãe sentir que se preocupa com ela.

Pode ainda dar-lhe um presente à medida para continuar o tratamento em casa com um dos cinco coffrets compostos pelo Bain e Masque recomendados pelo profissional (com 20% de desconto) e que respondem a cinco necessidades: reparação, disciplina, nutrição, revitalização e coloração.

5 fotos

E porque o melhor cuidado vai para quem cuida de nós, os coffrets podem ser personalizados com stickers “super” para uma homenagem ainda mais especial à pessoa mais importante das nossas vidas. Que além de super mulher, é super mãe e super amiga.

Assim, dê à sua mãe aquilo que ela mais quer – o seu tempo. Desafie-a para um ritual de beleza a duas e marque já no seu salão Kérastase este momento entre mãe e filha.