Quando muda a estação, mudam as tendências. Não só na roupa, mas também nas unhas, nos acessórios, na maquilhagem e ainda nos cabelos. Não é obrigatório mudar, nem tem de ser nesta altura, mas um refresh no look é sempre uma boa ideia.

Aquilo que se vai usar nas próximas estações vai ser uma boa notícia para quem gosta de mudar e má notícia para quem ainda é fã dos cabelos compridos e tem medo de arriscar. Maria Lourenço, proprietária dos cabeleireiros Maria Lourenço, em Lisboa, defende que “os cabelos muito compridos já não se usam” e que nas próximas estações “o ideal é o Bob ou o Long Bob.” Estas tendências já foram adotadas por várias atrizes e modelos, que optaram por estes cortes, que dão ao cabelo muito movimento.

Estas são as tendências de maquilhagem para as próximas estações

Mas qual o primeiro passo para quem está a pensar mudar?

Segundo Maria Lourenço, “a mudança deve começar com um cabelo bem tratado e saudável, para depois então quaisquer tendências se poderem evidenciar”. Há tratamentos de nutrição, densidade, resistência, brilho. Cada pessoa “deve fazer o tratamento de acordo com o seu tipo de cabelo”. Só depois devem dar início à mudança de visual. Ainda assim, e de acordo com a cabeleireira, “cada vez mais as mulheres apostam nessa mudança várias vezes por ano e não só quando muda a estação.”

Em relação à cor, este ano há soluções para as mais tímidas e as mais arrojadas. Conforme explica Nuno Riesenberger, hair stylist do cabeleireiro Hair Fusion, em Lisboa, este ano vamos continuar a ver muito “o efeito natural de praia, sun kissed”. “Chegam os cabelos monocromáticos, ou seja, todos de um só tom, e ainda, para quem gosta de arriscar, cabelos rosa ou verde pastel e até alguns tons de roxo.”

Tendências-chave da estação:

Bob ou Long Bob. Com o cabelo comprido a dar lugar ao cabelo mais curto, os cortes Bob e Long Bob ganham destaque. O Bob fica ao nível do queixo e o Long Bob vai até aos ombros.

Volume e movimentos. As tendências ditam cabelo com muito movimento e os cabelos lisos e muito direitinhos ficam de fora nestas estações.

Cabelo cor-de-rosa. As mais corajosas têm a oportunidade de arrojar nesta primavera/verão com os tons pastel, sendo o cor-de-rosa o preferido para os dias mais quentes.

Franja. Dependendo do rosto, a franja pode ser mais comprida ou mais curta, mas sempre aberta ao meio.

É normalmente a partir dos meses de março e abril que os cabeleireiros costumam começar a receber as primeiras mudanças de visual. “Começamos a perceber que as pessoas vêm com o intuito de mudar. Normalmente vêm já com algumas ideias e até com fotografias tiradas do Pinterest. Ainda assim, também damos ideias, até porque muitas vezes há cabelos mais difíceis que outros, principalmente para pintar”, explica Nuno Riesenberger.